Projetos inovadores de todo o Brasil poderão  receber até R$ 200 mil em aportes
O Programa Conecta Startup Brasil anuncia o lançamento do edital para a seleção de 100 equipes empreendedoras e startups em estágio inicial (early stage) interessados em retirar suas ideias do papel e desenvolver o seu negócio por meio de uma ação integrada de capacitação, mentoria com profissionais de mercado, conexão com empresas e networking.
Projetos aprovados poderão receber até R$ 200 mil em aportes. Para participar não é necessário ter CNPJ constituído e são aceitas equipes com um mínimo de dois empreendedores.

O Conecta Startup Brasil tem como principal objetivo aumentar a densidade de empreendedores e de startups. O programa também visa capacitar os empreendedores e conectar os diferentes atores do ecossistema. A iniciativa é resultado de uma ação conjunta entre o Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (MCTIC), a Agência Brasileira de Desenvolvimento Industrial (ABDI), a Softex e o parceiro executor, o Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq).

“Existe uma grande demanda das empresas por soluções inovadoras e, com o Conecta Startup Brasil, as startups terão a oportunidade de desenvolver essas soluções. Assim, os empreendedores ampliam suas bases de negócios e se tornam cada vez mais preparados para os desafios do mercado. Já para as empresas, o programa é uma oportunidade para fortalecer a cultura de inovação aberta e participar do ecossistema de inovação”, destaca Paulo Alvim, secretário de Empreendedorismo e Inovação do MCTIC.

No início do mês de agosto, o Conecta Startup Brasil divulgou a relação das 50 empresas de diferentes setores e indústrias selecionadas para participar do Programa, uma relação que inclui, entre outras organizações, 3M, Boticário, Natura, Vale, Enel, Usiminas, Burger King, Votorantim Cimentos, Johnson & Johnson, L’Oréal, Fiat e BASF.

A ideia é que essas organizações mobilizem as equipes empreendedoras a partir de 237 desafios reais mapeados em diferentes áreas, tais como Indústria 4.0, Saúde, Educação, Treinamento, Comunicação, Construção Civil, Energia, Varejo e Transformação Digital.

“Esta chamada é uma oportunidade única para que empreendedores e startups em estágio inicial validem a ideia proposta em sintonia com as necessidades reais do mercado, recebendo acompanhamento e mentorias. É, também, uma ponte de conexão com os principais players do ecossistema de inovação nacional”, destaca Diônes Lima, vice-presidente da Softex.

Para mobilizar empreendedores de todas as regiões e disseminar conteúdos sobre inovação e empreendedorismo, o Conecta Startup Brasil está promovendo um roadshow por todas as regiões do país. Nas próximas semanas, ele percorrerá as cidades de Manaus, Porto Velho, Roraima, Belém, Palmas e Rio Branco (Norte); Campo Grande, Goiânia e Brasília (Centro-Oeste); Recife, Natal, Salvador e Teresina (Mordeste); Florianópolis, Porto Alegre, Curitiba (Sul); e Belo Horizonte e São Paulo (Sudeste).

Os empreendedores interessados em se preparar para a chamada podem se inscrever e participar gratuitamente do programa de capacitação na plataforma de EAD do Conecta Startup Brasil que inclui, além de videoaulas, materiais complementares e exercícios de avaliação.

A próxima etapa do Conecta Startup Brasil envolve a mobilização de mentores, o cadastro de investidores e de aceleradoras parceiras. As inscrições para as equipes empreendedoras e startups prosseguem até o dia 27 de setembro. A íntegra do edital está disponível para consulta no site.