Dia do Comerciante
 
O comércio é uma das mais importantes forças produtivas de geração de empregos e renda do País. Em Belo Horizonte existem mais de 75 mil estabelecimentos dos setores de comércio e serviços, o que demonstra a importância do segmento, que é um grande impulsionador do desenvolvimento econômico da cidade. E isso só é possível graças à atuação do comerciante, um profissional que se supera e se renova constantemente para se manter no mercado. Por isso a importância do dia 16 de julho, data em que é comemorado o Dia do Comerciante. Desde 1953 o dia é destinado a homenagear essa categoria que é responsável por uma das principais atividades produtivas do País.

“Cinema Falado”

“Barravento” (1962), o primeiro filme de Glauber Rocha, com Luíza Maranhão e Antônio Pitanga, é o programa do “Cinema Falado” de hoje, às 19h30, na Sala Geraldo Veloso do MIS Cine Santa Tereza (rua Estrela do Sul, 89, Praça Duque de Caxias, Santa Tereza). Projeto do Centro de Estudos Cinematográficos de Minas Gerais (CEC-MG) e do Instituto Humberto Mauro, em memória do crítico e cineasta Geraldo Veloso, mudanças.” o “Cinema Falado” é uma oportunidade para um encontro com críticos e cineastas para ver este filme e conversar sobre cinema, poesia, política e outros assuntos da cultura brasileira. O filme será apresentado pelo cineasta Fábio Carvalho.

Dia da Bélgica

No dia 21 de julho é comemorado o Dia Nacional da Bélgica. A Casa Falke, juntamente com o Consulado Honorário da Bélgica em Minas Gerais, irá sediar a celebração desta data e receber convidados, de 11 às 14 horas, no próximo domingo. O país europeu é conhecido mundialmente pela produção artesanal de cervejas e a arte de fazer a bebida é considerada, por eles, um patrimônio cultural vivo. Para brindar na ocasião, a Falke Bier irá presentear os celebrantes com um chope de 330ml da primeira artesanal brasileira de fermentação típica belga, a Monasterium, no estilo Strong Ale Tripel. Hoje, a cervejaria mineira já produz outros dois rótulos da mesma linha: a FarmHouse e a Vivre Pour Vivre, sucessos da marca.

Rede Minas faz 35 anos

A Rede Minas completa 35 anos em 2019. A história da emissora começou nas mãos do então governador Tancredo Neves que ousou com a criação da primeira emissora pública do Estado. A partir de hoje, o público confere nos intervalos da programação uma peça especial, que durante todo o ano vai ser exibida na TV. A marca foi criada pensando no universo da diversidade do Estado, rico não só em montanhas, mas na cultura e no grande patrimônio que Minas Gerais abriga. São mais de dez imagens que remetem a essas riquezas. Para compor o selo, uma trilha musical composta por Bruno Medeiros e Ronaldo Gino, integrante da antiga banda Virna Lisi.

Ouro Bier Fest

A partir do dia 24 de julho (quarta-feira), uma das mais icônicas históricas cidades mineiras sedia a terceira edição do Ouro Bier Fest – Festival Internacional de Cervejas Artesanais de Ouro Preto. Este é um dos mais novos e maiores festivais cervejeiros de Minas Gerais e tem como foco principal a cerveja artesanal mineira e sua cadeia produtiva; mas suas atrações incluem também boa música, gastronomia e palestras sobre o mercado cervejeiro. Nesta edição, o festival vai oferecer mais de 100 rótulos de grandes cervejarias mineiras como: Backer, Verace, Krug Bier, Fürst, Cervejaria Loba, Albanos, Prussia Bier, Cervejaria Caraça, Insana, Wäls, DoktorBrau,Corja Brew, Évora, Bergen, Läut, Colder e Cervejaria Acadêmica.