20/07/2018
Login
Entrar




Finanças

Email
A-   A+

Atuação agressiva do BC não detém dólar

Nada parece interromper a consistente trajetória de queda do dólar no mercado brasileiro. A moeda norte-americana esboçou uma tentativa de recuperação na abertura, amparada no cenário externo desfavorável, mas não teve força para sustentar a valorização e antes do início da tarde já registrava perdas. Nem a atuação agressiva do Banco Central - que teria enxugado cerca de US$ 1,34 bilhão no segmento à vista - foi suficiente para cessar o enfraquecimento da divisa frente à...
31/10/2007
Contratos de DI com viés de alta
A exemplo dos demais ativos, os juros futuros tiveram ontem movimento de ajuste e fecharam perto da estabilidade, com leve viés de alta na BM&F. O volume novamente foi tímido e o DI janeiro de...
31/10/2007
Gol avalia alternativa para a Varig
Rio - A Varig deve apresentar lucro a partir do terceiro trimestre de 2008. A expectativa foi revelada ontem pelo presidente da empresa, Constantino de Oliveira Junior. Após ser desmembrada e...
31/10/2007
Fundo soberano não vai utilizar parte de reservas
Presidente do BC disse que será criada uma estrutura de captação . Brasília - O presidente do Banco Central (BC), Henrique Meirelles, reduziu ontem a temperatura do debate sobre a...
31/10/2007
Decisões do Copom terão efeito em 2008
Brasília - O presidente do Banco Central, Henrique Meirelles, defendeu a estratégia gradualista adotada pelo BC na condução da política monetária e afirmou que as decisões atuais do...
31/10/2007
Crédito de curto prazo preocupa
São Paulo - O economista-chefe da Federação Brasileira de Bancos (Febraban), Nicola Tingas, mostrou-se preocupado ontem em relação ao aumento da tomada de empréstimos de curto prazo pela...
30/10/2007
Lucro de estrangeiro com ativos no país já supera exportações
Investidores estrangeiros já lucraram US$ 151,29 bilhões com ativos do país Os investidores estrangeiros obtiveram lucro de US$ 151,29 bilhões até setembro com aplicações em ativos do...
30/10/2007
Petrobras e Vale levam bolsa a ultrapassar 65 mil pontos
São Paulo - Pouca coisa mudou de sexta-feira para ontem no mercado de ações. O otimismo manteve-se, basicamente, pela expectativa de corte da taxa de juros pelo Federal Reserve (Fed) em sua...
30/10/2007
Dólar fechou abaixo de R$ 1,76
O dólar voltou a cair frente ao real pelo terceiro pregão seguido. De modo geral, o mercado cambial doméstico foi influenciado por fluxo positivo de divisas, com algumas entradas ainda...
30/10/2007
Mercado de juro aguarda Fed
Assim como nos outros segmentos de negócios, a quase certeza de que o Federal Reserve voltará a cortar o juro em 0,25 ponto percentual nesta semana teve efeitos positivos no mercado de juros...
30/10/2007
Construtoras: oportunidade para abertura de capital
Setor atrativo para investimentos . Em conseqênica das consecutivas reduções na taxa básica de juros (a Selic) e do aumento da segurança jurídica para os investidores, mais...
30/10/2007
Dois exemplos a serem seguidos
O presidente do Sindicato da Indústria da Construção Civil no Estado de Minas Gerais (Sinduscon-MG), Walter Bernardes de Castro, lembrou que o lançamento da MRV foi um dos mais bem-sucedidos...
30/10/2007
Brasil vive momento histórico para inversões
São Paulo - A perspectiva dos investidores internacionais para o Brasil passa por um momento histórico, na avaliação do presidente do Banco Central (BC), Henrique Meirelles. Segundo...
30/10/2007
Localiza confirma lucro 38,8% maior no trimestre
Resultado foi puxado pelo desempenho de aluguéis de carros usados (alta de 23,1%) e venda de seminovos ( 36,8%) . O incremento de 23,1% no volume de aluguel de carros e o aumento de...
30/10/2007
BC perdeu formulador de política
São Paulo - A mudança de três diretores do Banco Central (BC), anunciada após o fechamento dos mercados da tarde de sexta-feira, foi digerida com tranqilidade pelos mercados. Apesar de...

› últimas notícias
Responsabilidade é decisiva para novos consumidores
Lojistas de BH apostam nos shopping
Setor de fundição avança 3,5% em Minas no 1º semestre
Indústria e comércio foram os mais afetados com a greve dos caminhoneiros
Produção da Anglo em complexo recua 64% no 1º semestre
Leia mais notícias ›
› Newsletter
O melhor conteúdo exclusivo e gratuito no seu e-mail:




Cadastrar
› Mais Lidas
Leia todas as notícias ›
Publicidade
› Assine o DC

Acesso completo

aos conteúdos online e versão impressa.
Único jornal especializado em Economia, Negócios e Gestão de Minas Gerais.
Ferramenta indispensável para fazer bons negócios.
› Edição Impressa


20 de julho de 2018
Conteúdo exclusivo para assinantes
› DC no Facebook
 
© Diário do Comércio. Todos os direitos reservados. Política de Privacidade. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.