Carro-chefe é a produção de frango frito crocante, preparado com tempero exclusivo - Crédito: Divulgação

Segundo a última Pesquisa Trimestral de Desempenho feita pela Associação Brasileira de Franchising (ABF), só no primeiro trimestre deste ano, o faturamento do setor atingiu o número de R$ 41,464 bilhões, o que significa um aumento de 7% em comparação ao mesmo período do ano anterior.

Dentre todos os segmentos, o de alimentação segue em constante crescimento, tornando-se tradicional. Só nesse período houve um aumento de 7,4% no número de unidades e 2,5% no faturamento. As refeições prontas estão sempre em alta entre os adeptos da alimentação fora do lar e sabendo desse constante crescimento, muitas pessoas passaram a investir e criar modelos de negócios no segmento.

Como no caso do N1 Chicken, criada em 2017, a rede está presente no segmento mais tradicional do franchising e conta com a facilidade e modernidade do delivery para o consumidor final. Como o próprio nome diz, seu carro-chefe é a produção de frango frito crocante, que é preparado com tempero exclusivo.

“Passamos um ano testando as combinações até chegar no equilíbrio perfeito. Nosso molho é tão secreto que apenas dois dos cinco sócios possuem a receita”, comenta Rafael Matos.

Ele e mais quatro amigos passaram cinco anos estudando o mercado para concretizar o sonho de criar uma rede de franquias que fosse ideal e que, segundo seus fundadores, estava faltando no mercado.

“Nosso negócio está baseado em três pilares: colaboração, criatividade e simplicidade. Após conhecer outros modelos de negócios, colocamos no papel tudo o que não queríamos e passamos a pensar em uma rede que tivesse uma gestão simples para nossos franqueados”, afirma Matos.

Só no primeiro ano de franchising, a rede já conta com 38 unidades comercializadas e 19 em funcionamento. Para o empreendedor, esse sucesso só é possível por causa do modelo de negócio enxuto e alta rentabilidade.

“Hoje, nossos franqueados já possuem um faturamento médio mensal bruto de R$ 60 mil por mês”, contabiliza.

Com um investimento inicial que parte de R$ 75 mil, o franqueado terá todo o apoio na implantação e desenvolvimento da unidade, além de contar com um atendimento direto com consultor para resolução de dúvidas. Além disso, o N1 Chicken oferece suporte para projeção de custos, vendas, estoque e simulação de gastos e faturamento, o que auxilia bastante o franqueado.

Receita de Sucesso – Com a ascensão do segmento, muitas vezes há a saturação no mercado, como fazer o negócio se destacar dentre tantos? Pensando nisso, o grupo de amigos focaram em uma combinação de temperos única para que o consumidor final pudesse ter uma experiência única ao provar o N1 Chicken.

“Fizemos diversos testes até achar a combinação perfeita. Quando acertamos, pensamos: é isso!”, lembra Matos.

Dos 5 sócios da rede, apenas dois sabem a receita e não passam para ninguém.

“Nossos franqueados recebem os temperos secretos periodicamente e fazemos um controle de qualidade sempre que possível”, afirma.

Além do frango frito, neste ano, a rede também adicionou no cardápio hambúrgueres – feitos com o frango da casa – e pratos prontos para conquistar mais consumidores.

Hoje, o faturamento da rede já ultrapassa R$ 18 milhões e eles possuem como meta, fechar o ano com 100 unidades comercializadas. Segundo a ABF, a perspectiva para este ano é que o setor de franchising tenha uma alta de faturamento entre 8% e 10% e que haja um incremento de 5% na geração de empregos. (Da Redação)