Publicidade
23/04/2018
Login
Entrar

»

Economia

25/08/2007

Baosteel e Vale construirão uma usina de placas

Email
A-   A+

Unidade será em Anchieta, no Espírito Santo.

A instalação de uma usina permite reduzir gastos com o frete do minérioA fim de acompanhar a tendência do setor siderúrgico mundial, que é instalar unidades em países que possuem atividade de extração de minério de ferro e baixos custos de mão-de-obra, a Companhia Vale do Rio Doce (CVRD) e a siderúrgica chinesa Baosteel Group Corporation anunciaram que construirão em Anchieta, no Espírito Santo, uma usina integrada de produção de placas de aço.

Conforme a mineradora, que terá participação de 20% na nova unidade, a capacidade inicial será de 5 milhões de toneladas por ano. A Baosteel deverá participar do consórcio com os outros 80%. As duas empresas assinaram na última sexta-feira um memorando de entendimentos para a realização do empreendimento.

Segundo o analista de investimentos da ABN Amro Real Corretora, Pedro Galdi, a instalação de uma usina de placas no Brasil permite reduzir os gastos com o frete do minério de ferro. De acordo com ele, enquanto o custo de produção da tonelada no país está entre US$ 200 e US$ 250, na China este valor pode subir para US$ 300 ou mais, o que significa que a diferença pode chegar a até 50%. "Em algumas regiões o custo de produção da tonelada de placas pode chegar a US$ 500", afirmou.

Tendência - Galdi informou que a tendência do setor é de que sejam instaladas novas unidades siderúrgicas de placas (semi-acabados) em países emergentes como o Brasil e de que o processo seguinte, de laminação (produtos acabados), seja realizado em plantas instaladas em países do hemisfério Norte. Contudo, o analista ressaltou que a produção de fabricantes de laminados no país, sobretudo a Usinas Siderúrgicas de Minas Gerais S/A (Usiminas) e Companhia Siderúrgica Nacional (CSN), acompanharão a evolução do segmento de placas.

O consultor em siderurgia Otto Andrade, também evidenciou os baixos custos com mão-de-obra no Brasil, a fim de atrair unidades fabricantes de placas em plantas de lingotamento contínuo. Ainda de acordo com ele, outro motivo para atração dessas plantas no país é a alta qualidade do minério de ferro brasileiro. "Por causa desses fatores, estão sendo realizados no Brasil investimentos na construção de altos-fornos, aciaria e lingotamento contínuo", comentou.

Por meio de nota, a Vale comentou que a iniciativa tem como estratégia atrair novos investimentos na indústria siderúrgica no país, o que permitirá o crescimento do consumo do meracdo interno de minério de ferro e o estabelecimento de contratos de fornecimento da commodity a longo prazo.

BRUNO MARQUES


Publicidade

Aproveite! Assine o DC e tenha notícias exclusivas

Leia também

15/12/2017
Oly Jose de Morais Ramos observa o crescimento de investimento no Tesouro Direto
Mais de R$ 1 bilhão foi investido no Tesouro Direto em janeiro. O número de operações até R$1000,00 também cresceu bastante mostrando que pequenos...
05/06/2016
Petistas que ainda assolam o BNB
A investigação do Ministério Público do Ceará (MP-CE) sobre suposto esquema de fraudes de até R$ 683,4 milhões em empréstimos e...
30/05/2016
MP contesta creditos Escândalo no Banco do Nordeste BNB
Investigação do Ministério Público do Ceará (MP-CE) em curso aponta suposto esquema de fraudes de até R$ 683,4 milhões em empréstimos e...
19/10/2013
Empresa vai criar grife de vestuário
São Paulo - A marca Havaianas, uma das grifes da Alpargatas, vai virar grife de vestuário a partir do segundo semestre do ano que vem. Uma equipe de 20 criadores já foi contratada pela...
19/10/2013
Havaianas: nova fábrica aumenta em 40% a capacidade de produção
A capacidade de produção anual das sandálias Havaianas vai ser ampliada em 40% com a entrada em operação, na sexta-feira, da fábrica da Alpargatas em Montes Claros, no Norte de Minas,...
› últimas notícias
Leia mais notícias ›
› Newsletter
O melhor conteúdo exclusivo e gratuito no seu e-mail:




Cadastrar
› Mais Lidas
Leia todas as notícias ›
Publicidade
› Assine o DC

Acesso completo

aos conteúdos online e versão impressa.
Único jornal especializado em Economia, Negócios e Gestão de Minas Gerais.
Ferramenta indispensável para fazer bons negócios.
› Edição Impressa


20 de abril de 2018
Conteúdo exclusivo para assinantes
› DC no Facebook
 
© Diário do Comércio. Todos os direitos reservados. Política de Privacidade. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.