Publicidade

Finanças

11/01/2017

Belo Horizonte apurou maior alta do IPC-S entre sete capitais

Agência Brasil
Email
A-   A+
Entre a última semana de 2016 e a primeira de 2017, a inflação na Capital subiu 0,37pp/Lucia Sebe/Secom/MG
Rio de Janeiro - O Índice de Preços ao Consumidor Semanal começou 2017 em alta em cinco das sete capitais pesquisadas pela Fundação Getulio Vargas (FGV). Belo Horizonte foi a cidade com maior alta da taxa de inflação entre a última semana de 2016 e a primeira semana de 2017: 0,37 ponto percentual, passando de 0,1% para 0,47%.

Também apresentaram alta o Rio de Janeiro (0,24 ponto percentual, ao passar de 0,55% para 0,79%), Porto Alegre (0,24 ponto percentual, pulando de 0,09% para 0,33%), Salvador (0,2 ponto percentual, de 0,19% para 0,39%) e São Paulo (0,14 ponto percentual, de 0,27% para 0,41%).

Ao mesmo tempo, registraram quedas na taxa Brasília (0,11 ponto percentual, de 0,60% para 0,49%) e Recife (0,12 ponto percentual, de 0,74% para 0,62%). A média da inflação nacional avançou 0,17 ponto percentual no período, indo de 0,33% na última semana de 2016 para 0,5% na primeira semana de janeiro.

Publicidade

Aproveite! Assine o DC e tenha notícias exclusivas

Leia também

19/02/2017
Banco do Brasil estima queda nominal nos índices de inadimplência neste ano
São Paulo - O Banco do Brasil espera que a inadimplência tenha retração mais rápida em termos nominais em 2017 do que em termos percentuais e que as...
18/02/2017
Tesouro Direto bate recorde em janeiro
Compra de títulos movimentou R$ 2,17 bilhões e o estoque atingiu R$ 41,7 bilhões no período
18/02/2017
Setor externo tem déficit de US$ 5 bilhões
Resultado de janeiro ficou abaixo do previsto pelo Banco Central, de US$ 6 bilhões para o período
18/02/2017
Dólar tem segunda alta consecutiva e fecha em R$ 3,09
São Paulo - O dólar fechou a sexta-feira em alta pelo segundo dia consecutivo, aproximando-se de R$ 3,10 no mercado à vista. A cautela trazida pelo exterior, diante do...
18/02/2017
Santander: 2017 será de inflexão para o País
São Paulo - O presidente do Santander, Sérgio Rial, avalia que 2017 será um ano de inflexão para o Brasil, marcado pela volta ao crescimento e queda da...
 
© Diário do Comércio. Todos os direitos reservados. Política de Privacidade. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.