Publicidade
22/08/2017
Login
Entrar

DC Inovação

18/03/2016

Benvenuto propõe novo formato de imobiliária

Startup oferece experiência diferenciada de compra e venda de imóveis
Thaíne Belissa
Email
A-   A+
Milagre trabalhou durante três anos no mercado imobiliário e percebeu as "dores" do setor/Divulgação
Ela não tem sede física, muito menos um grande catálogo de imóveis disponíveis em um portal. Seus vendedores não se chamam corretores, mas agentes. Em operação há apenas um mês, a startup mineira Benvenuto (www.benvenuto.com.br) até pode ser chamada de imobiliária, mas o que ela propõe é muito diferente do que se encontra nesse mercado. Com profissionais capacitados e uma plataforma tecnológica de marketing direcionado, a empresa oferece uma nova experiência de compra e venda de imóveis.

A ideia surgiu com o CEO da Benvenuto, Rafael Gonçalves Milagre, que trabalhou durante três anos no segmento de imobiliárias e percebeu o que ele chama de “dores” do setor. Uma delas é a ausência de soluções tecnológicas que auxiliem os corretores a cruzarem informações entre vendedor e comprador de forma eficiente. Além disso, ele afirma que a área está cheia de corretores sem profissionalização, que vão às ruas sem muito preparo e acabam abordando os clientes de forma errada.

Esse problema gera uma terceira dor no mercado, segundo Milagre: a não valorização por parte dos clientes da comissão de 6% da imobiliária. “Como o atendimento prestado pelo corretor não é muito profissional, o cliente não consegue perceber o esforço em cada processo, não vê o valor do trabalho do corretor e coloca em xeque a comissão”, explica.

O CEO afirma que a Benvenuto surge para resolver essas dificuldades e promover uma revolução no mercado imobiliário. O projeto da startup já é desenvolvido há três anos, mas ela foi oficialmente fundada há um ano, quando recebeu investimento-anjo, mas só começou a operar em fevereiro. Sem uma sede física, a Benvenuto atua por meio de agentes, como são chamados os corretores, que trabalham como autônomos contratados pela empresa. Mas o diferencial desses profissionais vai muito além do nome: a missão deles é facilitar a vida de quem compra e vende imóvel, atuando quase como consultores.

De acordo com Milagre, o agente vai até a casa do cliente, estuda o que ele precisa e a equipe da Benvenuto monta uma estratégia de marketing de venda específica para aquele imóvel. Dessa forma, a startup não trabalha com um catálogo com muitos imóveis, mas foca em ações específicas para vender com mais precisão. “Se vamos vender uma cobertura no Belvedere, por exemplo, direcionamos nosso marketing para o usuário que fez check-in no Topo do Mundo, por exemplo, ou que frequentou restaurantes na região ou, ainda, pesquisou um imóvel nessa área”, exemplifica.

Esse direcionamento é possível por meio de uma plataforma tecnológica, que vai ficando mais inteligente na medida em que é utilizada. Isso porque, segundo o CEO, ela vai coletando as ações com maior retorno e, quando há oferta de um imóvel com características parecidas, ela seleciona as melhores estratégias.

Milagre destaca que os agentes da startup também têm mais vantagens que os corretores tradicionais. Isso porque a startup trabalha com remuneração mínima de 40% dos 6% do valor do imóvel pago à imobiliária pelo cliente. No mercado tradicional essa remuneração normalmente gira em torno de 20%, segundo ele. “Isso é possível porque não temos o custo fixo de uma imobiliária que tem sede física, então conseguimos dar um bônus maior ao agente”, diz. Os profissionais também são capacitados com cursos exclusivos da Benvenuto, como negociação, captação de imóveis, atendimento, vendas.

Segundo Milagre, a startup já selecionou quatro agentes e está analisando contratos com mais três. A expectativa é fechar esse primeiro momento de atuação com 10 profissionais. Até agora, a empresa atende cerca de 15 clientes e a expectativa é vender 20 imóveis até agosto. Em seguida, a startup pretende ir para outros estados.

Publicidade

Aproveite! Assine o DC e tenha notícias exclusivas

Leia também

12/08/2017
Sales Creators propõe monetizar audiência
Plataforma potencializa vendas por meio da criação de campanhas para marcas e garante bons resultados
12/08/2017
Intercâmbio: parceria com ecossistema de inovação de Israel deve beneficiar o Brasil
São Paulo - O SPInnovation Summit 2017- Israel Edition, evento organizado pela Harpia Capital com apoio do Consulado de Israel em São Paulo, Câmara Brasil-Israel de...
12/08/2017
BMG UpTech no Startups Connected
A participação do BMG UpTech é uma das novidades da segunda edição do Startups Connected - Conectando Desafios a Soluções Inovadoras. Promovido pela...
12/08/2017
InovAtiva seleciona 255 empresas
Um grupo de 255 startups terá a oportunidade de acelerar seus negócios por meio de cursos gratuitos e mentorias. Elas foram aprovadas, entre 926 inscritas, para participar do segundo...
28/07/2017
Belo Horizonte sedia evento gratuito sobre e-commerce
No próximo dia 10/08, micro e pequenos empresários poderão participar de palestras gratuitas sobre e-commerce, mídias digitais e empreendedorismo. O “INTEGRA...
› últimas notícias
Preço de imóvel para venda na Capital foi o menor de 2017
Déficit habitacional em Minas chegou a 8%
Liminar suspende o leilão de quatro usinas da Cemig
ANP vai priorizar volta da produção de campos maduros
Petrobras aumenta preços da gasolina em 3,3% e do diesel em 2,3% nas refinarias
Leia mais notícias ›
› Newsletter
O melhor conteúdo exclusivo e gratuito no seu e-mail:

Cadastrar
› Mais Lidas
Mineira Supremo Carnes abre planta em Campo Belo
Banco Central registra avanço de 0,2% no Sudeste
ENTREVISTA | FRANK SINATRA, PRESIDENTE DA FCDL-MG
Cemig oferece R$ 11 bilhões para evitar leilão
Commodities impulsionam o Ibovespa
Leia todas as notícias ›
Publicidade
› Assine o DC

Acesso completo

aos conteúdos online e versão impressa.
Único jornal especializado em Economia, Negócios e Gestão de Minas Gerais.
Ferramenta indispensável para fazer bons negócios.
› Edição Impressa


22 de August de 2017
Conteúdo exclusivo para assinantes
› DC no Facebook
 
© Diário do Comércio. Todos os direitos reservados. Política de Privacidade. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.