16/07/2018
Login
Entrar

DMEP - Cegueira das Organizações

27/12/2017

Cadeia de suprimentos e posicionamento estratégico

Rinaldo de Castro Oliveira*
Email
A-   A+
A cadeia de suprimentos é um tema da administração e da gestão de organizações que visa reconhecer os diversos agentes e elos de um mercado, setor ou indústria, avaliando como os mesmos estão integrados quanto aos processos de negócios, bem como identificando os fluxos de informações, recursos e materiais gerados ao longo desse sistema, tanto a jusante quanto a montante das organizações. É muito comum em nível das empresas a falta de entendimento quanto à complexidade do ambiente no qual as mesmas estão inseridas, e com isso, em geral, existe pouca clareza de como a organização deve se posicionar estrategicamente na cadeia de suprimentos de maneira a potencializar a sua atuação e geração de valor. Este ensaio tem como objetivo provocar essa reflexão no sentido de despertar a necessidade cada vez maior das empresas reconhecerem seu papel central dentro de um processo de negócio amplo, que extrapola os muros das organizações.

Recorrendo à literatura, na tentativa de proporcionar uma definição ampla e completa sobre o tema, Mentzere outros autores analisaram diversos estudos sobre a gestão da cadeia de suprimentos, definindo-a como uma coordenação sistemática e estratégica das funções gerenciais tradicionais e das táticas de uma empresa e, entre empresas, para melhoria do desempenho de longo prazo das empresas separadamente e da cadeia como um todo. Assim, é interessante observar que o gerenciamento da cadeia de suprimentos inclui não apenas os processos operacionais das empresas, como comumente é entendido no mercado, mas também envolve funções estratégicas e táticas que favorecem a geração de valor ao longo da cadeia de produção, a partir de uma orientação voltada para o cliente. Dessa forma, o sincronismo entre os processos de compras, produção, marketing, vendas e distribuição, dentro de uma visão integrada com fornecedores, parceiros comerciais e clientes, promove vantagens competitivas para as empresas e fortalece a cadeia de suprimentos.

Do ponto de vista mais filosófico, o gerenciamento da cadeia de suprimentos exige das organizações uma visão holística do negócio, reconhecendo que a empresa faz parte de um fluxo amplo de informações, recursos e materiais. Requer também um senso de cooperação e de esforços entre agentes da cadeia de produção que permita o compartilhamento de estratégias e de operações para melhor atender o cliente. Atingir esse nível de maturidade gerencial exige um bom grau de conhecimento sobre o funcionamento da cadeia de suprimentos no qual a empresa está inserida, e visão estratégica para identificar os caminhos certos para promover o crescimento no mercado.

Num mundo cada vez mais integrado, tecnológico, e com negócios em ritmo acelerado de transformação, as cadeias de suprimentos se tornam mais complexas e sofisticadas. Reconhecer esses movimentos que afetam o desempenho dos negócios e refletir sobre o melhor posicionamento estratégico que as empresas precisam ter para se adequarem a essas mudanças torna-se fundamental para as organizações. Nesse ambiente de negócios, as empresas bem-sucedidas serão aquelas com capacidade de entenderem o seu papel dentro da cadeia de suprimentos, com produtos e serviços aderentes às novas demandas de mercado.

*Sócio-diretor da DMEP

Publicidade

Aproveite! Assine o DC e tenha notícias exclusivas

Leia também

03/07/2018
Boca a boca eletrônico e a gestão de negócios na era digital
A popularização da internet possibilitou a criação de redes sociais eletrônicas nas quais as pessoas expõem diversos aspectos de suas vidas. A crescente...
26/06/2018
Será que devo investir nesta startup? (Parte 3)
No ensaio anterior, publicado nesta coluna em 08/05/2018 discutiu-se os parâmetros de avaliação normalmente utilizados para análise e tomada de decisão de...
19/06/2018
Agente integrador ou operador de um elo da cadeia de valor: Qual o melhor posicionamento?
O atual movimento de digitização ou transformação digital tem colocado a questão do posicionamento na cadeia de valor no planejamento dos novos negócios....
12/06/2018
Como vender a minha empresa? Parte 7
Nas edições anteriores desta série de ensaios sobre “Como vender a minha empresa” iniciada em julho de 2017, foram abordados passos importantes sobre quando estamos...
05/06/2018
Desenvolvimento de projetos ventures: criando produto e negócio simultaneamente
Desenvolver projetos ventures, inovações que podem se manifestar via empreendimentos greenfield (produtos e negócios que surgem a partir de ideias criativas, inexistindo...
› últimas notícias
JPMorgan encerra trimestre com receita 6,5% maior e lucro acima das expectativas
Setor de serviços encolhe 6,7% em maio em Minas Gerais
Cemig pretende alongar prazo de dívida
Faemg concede Medalha do Mérito Rural aos que contribuem com a agropecuária
Mercado de eventos dribla a crise em Belo Horizonte
Leia mais notícias ›
› Newsletter
O melhor conteúdo exclusivo e gratuito no seu e-mail:




Cadastrar
› Mais Lidas
Leia todas as notícias ›
Publicidade
› Assine o DC

Acesso completo

aos conteúdos online e versão impressa.
Único jornal especializado em Economia, Negócios e Gestão de Minas Gerais.
Ferramenta indispensável para fazer bons negócios.
› Edição Impressa


14 de julho de 2018
Conteúdo exclusivo para assinantes
› DC no Facebook
 
© Diário do Comércio. Todos os direitos reservados. Política de Privacidade. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.