19/06/2018
Login
Entrar




Economia

14/06/2018

Cesta básica de São Paulo sobe 4,5% em maio, com paralisação dos caminhoneiros

Email
A-   A+
São Paulo - Pesquisa do Programa de Proteção e Defesa do Consumidor (Procon-SP), divulgada ontem, indica que a cesta básica de maio, período de abastecimento afetado pela greve dos caminhoneiros, teve uma alta de 4,50%, a maior variação desde janeiro de 2016. Dos 39 produtos pesquisados, 27 aumentaram de preço e 12 diminuíram.

O levantamento, feito em conjunto com o Departamento Intersindical de Estatísticas e Estudos Socioeconômicos (Dieese), apontou que o preço médio da cesta básica, que em 30 de abril era de R$ 652,85, passou para R$ 682,25 em 30 de maio.

Por grupo, foram encontradas as seguintes variações: alimentação, 5,17%; limpeza, 0,54%; e higiene pessoal, 0,73%.

A variação no ano é de 4,71% (base 26/12/2017). A batata foi a grande vilã, com 144,74% do aumento em maio, seguida pela cebola com 31,50%. As maiores quedas foram alho (kg) (-4,74%) e café em pó (500g) (-3,17%).

Publicidade

Aproveite! Assine o DC e tenha notícias exclusivas

Leia também

19/06/2018
Preço do diesel recua R$ 0,41 em Minas
Minaspetro reivindica do Executivo estadual redução do ICMS e do valor de referência
19/06/2018
Mais de 40% das empresas usam planilhas ao contratar
Além disso, para gerenciar demandas, 23% não têm acesso a sistemas
19/06/2018
Inadimplência recua na Capital
Retração foi de 3,5% de janeiro a abril, mas recuperação de crédito também segue em queda
19/06/2018
TCU vai apurar se cobrança por despacho de bagagem reduziu preços das passagens
O Tribunal de Contas da União (TCU) informou que iniciou uma auditoria de conformidade para checar se a cobrança pelo despacho de bagagem, praticada pelas empresas aéreas desde...
19/06/2018
Governo espera movimentar a economia com liberação de saques
Brasília – Desde ontem os brasileiros com mais de 57 anos, que são titulares de contas inativas dos fundos dos programas de Integração Social (PIS) e de...
› últimas notícias
Preço do diesel recua R$ 0,41 em Minas
Mais de 40% das empresas usam planilhas ao contratar
Inadimplência recua na Capital
TCU vai apurar se cobrança por despacho de bagagem reduziu preços das passagens
Governo espera movimentar a economia com liberação de saques
Leia mais notícias ›
› Newsletter
O melhor conteúdo exclusivo e gratuito no seu e-mail:




Cadastrar
› Mais Lidas
Leia todas as notícias ›
Publicidade
› Assine o DC

Acesso completo

aos conteúdos online e versão impressa.
Único jornal especializado em Economia, Negócios e Gestão de Minas Gerais.
Ferramenta indispensável para fazer bons negócios.
› Edição Impressa


19 de junho de 2018
Conteúdo exclusivo para assinantes
› DC no Facebook
 
© Diário do Comércio. Todos os direitos reservados. Política de Privacidade. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.