Publicidade
23/05/2018
Login
Entrar

DC Mais

12/01/2017

Cortar consumo de sal em 10% salvaria milhões de vidas

Email
A-   A+
Brasília - Diminuir em 10% o consumo de sal poderia salvar milhões de vidas, afirma um estudo publicado ontem pela revista médica britânica The British Medical Journal. O sal aumenta os riscos de hipertensão e de doenças cardiovasculares.

Segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS), a maioria dos adultos consome mais do que a quantidade recomendada de 2 gramas de sal por dia, no máximo. O excesso de sal, presente principalmente em alimentos industrializados, está na origem de cerca de 1,65 milhão de mortes provocadas por doenças cardíacas em todo o mundo, de acordo com a OMS.

Apesar de poucos países até agora terem adotado políticas públicas para tentar diminuir o consumo de sal, pesquisadores, atuando conjuntamente com a indústria alimentícia, avaliaram o impacto de estratégias públicas de prevenção em 183 países. E concluíram que investir o equivalente a apenas 10 centavos de dólar por pessoa (cerca de R$ 0,32), contribuiria grandemente para frear a mortalidade.

Resultado impressionante - Os cientistas também estimaram, baseados no índice de Esperança de Vida Corrigida, o número de anos perdidos pela população mundial por conta do excesso de sal. Segundo o estudo, uma alimentação menos salgada durante um período de 10 anos evitaria uma perda anual equivalente a 5,8 milhões de anos de boa saúde.

O custo dos anos ganhos seria equivalente ao que se gasta atualmente em remédios para tratamento de doenças cardiovasculares, apontam os pesquisadores. (ABr)

Publicidade

Aproveite! Assine o DC e tenha notícias exclusivas

Leia também

23/05/2018
Festival Minas Music recebe inscrições até domingo
Um dos mais tradicionais concursos de bandas de Minas Gerais está de cara nova. Após nove anos revelando talentos, exclusivamente, do pop-rock, o concurso de Bandas Music Minas agora...
23/05/2018
CURTAS | DC Mais
Revolução Industrial Em celebração ao Dia da Indústria, o Sistema Fiemg promove hoje, a partir das 8h30, em seu auditório (Avenida do Contorno,...
22/05/2018
Galeria de Sete Lagoas expõe a arte de Yara Tupynambá
Mais de 70 pinturas e gravuras da artista plástica mineira Yara Tupynambá podem ser apreciadas, gratuitamente, até 29 de junho, das 8h às 17h, na Casa da Cultura...
22/05/2018
Curtas DC Mais 22/05
Cooperativismo Para quem tem interesse em constituir uma cooperativa, conhecer melhor e fazer parte do setor, que movimenta mais de R$ 40 bilhões por ano em Minas Gerais. estão...
22/05/2018
Agenda Cultural 22/05
Quadrinhistas Mulheres - O Festival Internacional de Quadrinhos (FIQ 2018) se aproxima e a Casa Fiat de Cultura abre a programação paralela com a exposição...
› últimas notícias
Uso de térmicas pressionou elevação
Reajuste tarifário médio chega a 23,19% em Minas
Dia da Liberdade de Impostos terá adesão de cerca de 800 lojas
Cide deve ser zerada sobre o diesel
Acordo de líderes pode destravar a pauta
Leia mais notícias ›
› Newsletter
O melhor conteúdo exclusivo e gratuito no seu e-mail:




Cadastrar
› Mais Lidas
Leia todas as notícias ›
Publicidade
› Assine o DC

Acesso completo

aos conteúdos online e versão impressa.
Único jornal especializado em Economia, Negócios e Gestão de Minas Gerais.
Ferramenta indispensável para fazer bons negócios.
› Edição Impressa


23 de maio de 2018
Conteúdo exclusivo para assinantes
› DC no Facebook
 
© Diário do Comércio. Todos os direitos reservados. Política de Privacidade. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.