Publicidade
18/08/2017
Login
Entrar

Política

11/01/2017

Criação de Ministério da Segurança não pode ultrapassar receitas, diz ministro

ABr
Email
A-   A+
O ministro do Planejamento, Desenvolvimento e Gestão, Dyogo Oliveira, disse que a criação de um Ministério da Segurança Pública, conforme proposta da Frente Parlamentar de Segurança Pública apresentada hoje (11) ao presidente Michel Temer, não necessariamente acarretará em aumento de gastos públicos, desde que não ultrapasse a disponibilidade do orçamento. As declarações ocorreram após o deputado federal Alberto Fraga, membro da Comissão de Segurança Pública da Câmara, defender a criação da nova pasta, como forma de conter a crise do sistema prisional.

A reunião da Frente Parlamentar de Segurança Pública com Temer e autoridades ocorreu no Palácio do Planalto. Segundo o deputado Fraga, o novo ministério não gerará custos adicionais, caso seja criado em substituição à Secretaria Nacional de Segurança Pública. “Não há que se falar em cabide de empregos, porque a estrutura é a mesma”, disse ele, após a reunião. E acrescentou que Temer se mostrou aberto à questão, mas que o ministro da Justiça, Alexandre Moraes, se posicionou contra.

Já o ministro do Planejamento disse que “criar ou não um ministério não é um problema em si. O que importa são os recursos aplicados na área em questão”. Ele no entanto, ressaltou que o governo não deve decidir por nada que ultrapasse a receita. “Do ponto de vista fiscal, não será feito absolutamente nada que não seja condizente com as metas estabelecidas. Então, se houver um aumento de recursos pra uma área, evidentemente isso será compatível com o orçamento".

Na proposta apresentada pela Frente Parlamentar, todos os órgãos de segurança pública, incluisive a Polícia Federal e a Polícia Rodoviária Federal, passariam a ficar sob responsabilidade do novo ministério. Na opinião de Fraga, isso não resultaria no esvaziamento do atual Ministério da Justiça. “Eu, inclusive, sugeri a substituição [do nome] do Ministério da Justiça para Ministério da Segurança Pública”, disse.

De acordo com o deputado, o presidente Temer disse apenas que "o debate estava aberto” para discutir o assunto. A fim de convencer o presidente a acatar as propostas da Frente Parlamentar da Segurança Pública, Fraga disse que o grupo entregará a ele informações técnicas que o ajudarão a fazer uma “análise mais apurada” do assunto. “Vamos apresentar informações como a missão e as funções do ministério”, falou.

Publicidade

Aproveite! Assine o DC e tenha notícias exclusivas

Leia também

18/08/2017
OAB tenta desengavetar acão contra Temer
Entidade recorre ao STF para que Maia dê seguimento ao processo de impeachment na Câmara
18/08/2017
Dívida do setor público é estimada em 75,7% do PIB
Governo encaminha projeto que muda metas fiscais ao Congresso
18/08/2017
Falta de quórum cancela reunião da reforma política
Brasília - A reunião da comissão especial da reforma política na Câmara em que seria concluída a discussão do projeto de lei (PL) que altera a...
18/08/2017
Frustração de receitas era prevista desde junho
Brasília - A frustração de receitas de R$ 19 bilhões em 2017 como consequência da inflação menor do que a esperada, apontada na última...
18/08/2017
"Presidencialismo de cooptação" é alvo do PSDB
Brasília - Um vídeo avalizado pela presidência do PSDB, que foi ao ar ontem, chama o atual modelo de governo de “presidencialismo de cooptação”. A...
› últimas notícias
Cinco municípios geram empregos em Minas
Exportações das cidades-polo estão em alta
Governo federal está aberto a negociar usinas com Cemig
WV Empreendimentos lança 2º loteamento em Uberlândia
Eletrobras vai recorrer da cobrança de R$ 2,9 bilhões por parte da Aneel
Leia mais notícias ›
› Newsletter
O melhor conteúdo exclusivo e gratuito no seu e-mail:

Cadastrar
› Mais Lidas
Desoneração da folha afeta a Previdência
BNDES aprova R$ 122,8 milhões para Instituto Senai
Roubo de cargas onera toda a sociedade
Receita da Pif Paf deve ir a R$ 4 bilhões
Magnesita Refratários reporta prejuízo líquido de US$ 41,4 milhões
Leia todas as notícias ›
Publicidade
› Assine o DC

Acesso completo

aos conteúdos online e versão impressa.
Único jornal especializado em Economia, Negócios e Gestão de Minas Gerais.
Ferramenta indispensável para fazer bons negócios.
› Edição Impressa


19 de August de 2017
Conteúdo exclusivo para assinantes
› DC no Facebook
 
© Diário do Comércio. Todos os direitos reservados. Política de Privacidade. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.