Publicidade
21/11/2017
Login
Entrar

Finanças

17/03/2017

Depósitos na caderneta de poupança crescem com saque do FGTS

Email
A-   A+
Brasília - Dados do Banco Central mostram que o total depositado nas cadernetas de poupança aumentou R$ 482,19 milhões na última sexta-feira, 10, primeiro dia de saques do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS). O valor destinado à poupança equivale a 12,7% do total liberado do FGTS naquele dia.

Segundo a Caixa Econômica Federal, trabalhadores receberam R$ 3,8 bilhões em recursos de contas inativas em 10 de março. Desses, R$ 2 bilhões foram depositados automaticamente em conta corrente ou poupança dos trabalhadores que já tinham relacionamento bancário com a instituição financeira federal. Já os dados do BC mostram que as cadernetas fecharam o mesmo dia com captação líquida positiva de R$ 482,19 milhões.

Com o reforço do FGTS, a poupança teve volume de depósitos maior que os saques em um dia 10 pela primeira vez desde setembro de 2013. Desde então, todos décimos dias do mês foram de saída de recursos das cadernetas.

Esse resultado positivo aconteceu porque o volume de depósitos saltou. De acordo com as estatísticas do BC, foram depositados R$ 9,89 bilhões. O valor foi 23,2% maior que o registrado em 10 de fevereiro e 48,5% superior ao registrado em 10 de março de 2016.

Os saques, porém, também foram expressivos. Ao todo, foram retirados R$ 9,408 bilhões no mesmo dia - valor 0,7% menor que o visto em 10 de fevereiro e 12,3% maior que o registrado em 10 de março de 2016. Em 10 de março, o total de cadernetas de poupança somava R$ 662,87 bilhões. (AE)

Publicidade

Aproveite! Assine o DC e tenha notícias exclusivas

Leia também

21/11/2017
IBC-Br atinge o maior nível desde 2015
Indicador do Banco Central avançou 0,40% em setembro e acumula uma alta de 0,43% neste ano
21/11/2017
Mercado europeu tem sessão de ganhos
São Paulo - As principais bolsas da Europa fecharam em alta ontem, mesmo com a instabilidade política observada na Alemanha após a chanceler Angela Merkel não...
21/11/2017
Cotação do bitcoin bate recorde e chega a US$ 8,263 mil
São Paulo - O bitcoin voltou a quebrar mais um recorde ontem e ultrapassou os US$ 8 mil, chegando à cotação máxima de US$ 8.263,01, de acordo com a CoinDesk,...
18/11/2017
Índice Bovespa volta a subir e fecha a semana em alta
Bolsa paulista valorizou 1,28% na sexta-feira
18/11/2017
Grupo vai discutir crédito para o varejo
São Paulo - O presidente do Banco Central (BC), Ilan Goldfajn, se comprometeu a montar um grupo de trabalho com o objetivo de buscar soluções ao alto custo de crédito...
 
© Diário do Comércio. Todos os direitos reservados. Política de Privacidade. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.