Publicidade
24/08/2017
Login
Entrar

Internacional

11/01/2017

Donald Trump diz que filhos vão administrar seus negócios

ABr
Email
A-   A+
O presidente eleito dos Estados Unidos, Donald Trump disse, em sua primeira entrevista à imprensa nessa quarta-feira (11), que enquanto estiver governando o país seus filhos Eric e Donald Jr vão administrar seus negócios particulares. Com isso, o magnata respondeu a um dos maiores questionamentos da mídia, que seria a existência de um possível conflito entre os seus interesses particulares e o interesse do país.

Trump destacou, porém, que seria capaz, se quisesse, de administrar o país e as suas empresas simultaneamente. "Eu poderia, realmente, comandar o meu negócio e o governo ao mesmo tempo", disse, dando a entender que, se optasse por continuar também no comando das empresas, não haveria conflito de interesses.

Rússia e Putin

Alguns jornalistas insistiram para que Trump comentasse sobre as alegações de que a Rússia teria informações comprometedoras sobre seus negócios ou sobre seus planos para o futuro. “Alguém realmente acredita nessa história?" questionou o presidente eleito. "Eu [já] postei no Twitter que não tenho nenhum negócio com a Rússia", disse.

Um jornalista perguntou ao bilionário sobre uma declaração do presidente russo, Vladimir Putin, o elogiando como um incentivador das relações entre o seu país e os EUA. "Se Putin gosta de Donald Trump eu considero [isso] um ativo, não um passivo, porque temos um relacionamento horrível com a Rússia. Agora, eu não sei se vou me dar bem com Vladimir Putin. Eu espero que sim, mas... você honestamente acredita que Hillary [Clinton] seria mais dura com Putin do que eu?", perguntou Trump.

Agências de inteligência

Ao responder a perguntas sobre a conclusão de agências de inteligência de que a Rússia trabalhou ativamente para influenciar as eleições americanas de 2016, Trump disse acreditar que os russos possam ter alguma responsabilidade sobre o hackeamento (invasão de computadores) durante a campanha eleitoral, como outros países também tiveram. Ele porém deixou claro que não acredita na influência russa. Segundo ele, o sucesso de sua eleição foi decorrência da boa campanha eleitoral.

Publicidade

Aproveite! Assine o DC e tenha notícias exclusivas

Leia também

24/08/2017
Ex-procuradora diz que vai provar corrupção de Maduro
Em Brasília, Luisa Ortega Díaz afirma sofrer ameaças de morte
24/08/2017
Janot vê em destituição ?estupro institucional?
Brasília - O procurador-geral da República, Rodrigo Janot considerou, durante a reunião, que a destituição de Luisa Ortega Díaz do cargo de...
23/08/2017
Brasil recebe procuradora destituída
Luisa Ortega participa hoje de evento da PGR e maduro acusa País de abrigá-la
23/08/2017
Vice-presidente vinculado à Odebrecht não renunciará
Quito, Equador - O vice-presidente do Equador, Jorge Glas, afirmou ontem que não renunciará a seu cargo nem sairá do país, após ser vinculado ao escândalo...
23/08/2017
Acordo da Opep para reduzir oferta cai
Londres e Houston, EUA - O cumprimento do acordo da Organização dos Países Exportadores de Petróleo (Opep) e de aliados para reduzir a oferta da commodity diminuiu em...
› últimas notícias
Super Nosso investe R$ 48 milhões em logística
Vendas cresceram 7,5% no 1º semestre
FGTS injetou R$ 10,8 bilhões no comércio
Governo libera saque de R$ 15,9 bilhões do PIS/Pasep
Móveis rústicos: em Passos, setor fatura R$ 15 milhões
Leia mais notícias ›
› Newsletter
O melhor conteúdo exclusivo e gratuito no seu e-mail:

Cadastrar
› Mais Lidas
Vodafone Brasil pode instalar um laboratório em Nova Lima
Médico mineiro cria clínica especializada em feridas e transforma a ideia em franquia
Indústria 4.0: as oportunidades de negócio de uma revolução que está em curso
PIB recuou 0,24% no 2º trimestre
Avianca retoma as operações em Confins
Leia todas as notícias ›
Publicidade
› Assine o DC

Acesso completo

aos conteúdos online e versão impressa.
Único jornal especializado em Economia, Negócios e Gestão de Minas Gerais.
Ferramenta indispensável para fazer bons negócios.
› Edição Impressa


24 de August de 2017
Conteúdo exclusivo para assinantes
› DC no Facebook
 
© Diário do Comércio. Todos os direitos reservados. Política de Privacidade. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.