19/07/2018
Login
Entrar




Economia

13/07/2018

"Embraer não valerá muito sem Boeing"

Reuters
Email
A-   A+
Embraer vai vender sua principal operação à Boeing/TEREZA SOMBREIRA MINISTÉRIO DA DEFESA
Rio de Janeiro -  A Embraer "não vai valer muita coisa" em alguns anos se a empresa não fizer uma aliança com a Boeing, afirmou ontem o presidente do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), Dyogo Oliveira.

Na segunda ocasião em que defende o negócio da Embraer com a Boeing, anunciado na semana passada, Oliveira afirmou que a operação será positiva para os acionistas da fabricante brasileira porque garantirá a sobrevivência e a sustentabilidade da companhia.

Embraer e Boeing anunciaram na semana passada um memorando de entendimento para um acordo futuro em que a fabricante brasileira vai vender sua principal operação, a de jatos comerciais, para a Boeing, criando uma terceira empresa que será 80% controlada pelo grupo norte-americano.

O BNDES, por meio da BNDESPar, é um dos maiores acionistas da Embraer, cujo poder de voto deverá ser ampliado em uma assembleia de acionistas que decidirá se o acordo entre as duas empresas poderá seguir adiante.

Assembleia - Oliveira não comentou quando a assembleia de acionistas da Embraer poderá ser realizada ou a cláusula de veneno do estatuto da empresa que exige um pagamento de 50% de prêmio sobre as ações da empresa em caso de uma tomada de controle.

"Hoje, somos sócios de uma empresa que sem a Boeing não vai valer muita coisa em poucos anos", apontou Oliveira. Ele citou o anúncio nesta semana da companhia aérea norte-americana Jet Blue, uma das principais clientes da Embraer, que decidiu trocar sua frota de aeronaves da fabricante brasileira por modelos produzidos pela parceria Airbus-Bombardier.

Publicidade

Aproveite! Assine o DC e tenha notícias exclusivas

Leia também

19/07/2018
Indústria pode recorrer à Justiça por repasse de verbas
Fiemg alega que governo estadual retém cerca de R$ 100 mi desde 2015
19/07/2018
Antecipação do abono anima CDL-BH
INSS paga metade do valor a aposentados e pensionistas em agosto e PBH libera ao funcionalismo amanhã
19/07/2018
Em Minas, setor automotivo espera impulso com o Rota 2030
Também poderão se habilitar ao programa fornecedores de montadoras
19/07/2018
PBH cumpre 1ª etapa de auditoria
Relatório reúne 5 mil documentos de 40 empresas, referentes ao período de 2013 a 2016
19/07/2018
Leilão da Eletrobras deve ter duas etapas
A primeira, segundo o BNDES, deve ser agora em julho, enquanto a segunda está prevista para o fim de agosto
› últimas notícias
Indústria pode recorrer à Justiça por repasse de verbas
Antecipação do abono anima CDL-BH
Em Minas, setor automotivo espera impulso com o Rota 2030
PBH cumpre 1ª etapa de auditoria
Demanda por cães de guarda cresce em BH
Leia mais notícias ›
› Newsletter
O melhor conteúdo exclusivo e gratuito no seu e-mail:




Cadastrar
› Mais Lidas
Leia todas as notícias ›
Publicidade
› Assine o DC

Acesso completo

aos conteúdos online e versão impressa.
Único jornal especializado em Economia, Negócios e Gestão de Minas Gerais.
Ferramenta indispensável para fazer bons negócios.
› Edição Impressa


19 de julho de 2018
Conteúdo exclusivo para assinantes
› DC no Facebook
 
© Diário do Comércio. Todos os direitos reservados. Política de Privacidade. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.