Publicidade
22 de June de 2017
Login
Entrar

Economia

20/04/2017

Financiamento de veículos cresce em Minas Gerais

Foram 44,2 mil unidades comercializadas por meio de operações de crédito no Estado em março
Leonardo Francia
Email
A-   A+
Segmento de automóveis leves lidera o número de operações/Alisson J. Silva
Os financiamentos de veículos novos e usados, incluindo automóveis, motos e pesados, em março alcançaram 44,2 mil contratos no Estado e aumentaram 29,4% na comparação com os de fevereiro (34,2 mil). Em relação ao mesmo mês de 2016, quando foram financiados 40,8 mil veículos, o aumento foi de 8,5%, conforme dados da Unidade de Financiamentos da Central de Custódia e Liquidação Financeira de Títulos (Cetip).

Mais uma vez, Minas Gerais ficou na segunda posição entre os estados com maior volume de vendas a crédito de automóveis no Brasil em março, atrás apenas de São Paulo. No acumulado do trimestre, o número de contratos de financiamentos de veículos no Estado somou em 117,6 mil, com crescimento de 7,5% em relação às operações nos mesmos meses de 2016 (109,4 mil contratos).

As vendas financiadas de veículos novos em março totalizaram 14,3 mil, enquanto os contratos envolvendo veículos usados somaram 29,8 mil, respondendo por participações de 32,5% e 67,5%, respectivamente. Dentro do segmento de novos, foram os automóveis leves os mais financiados no período, com 8,8 mil operações.

As operações de crédito para a compra de automóveis leves, novos e usados, superaram as outras categorias de veículos no Estado em março, respondendo por 80,3% dos financiamentos totais. Ao todo, foram 35,5 mil operações no período, 26,7% a mais que no mês anterior (28 mil). Frente ao mesmo mês do ano passado, quando foram fechados 32,5 mil financiamentos, a alta foi de 9,2%.

No trimestre, também foram os automóveis leves que lideraram as vendas financiadas no Estado, com 95,5 mil operações e crescimento de 8,8% frente ao número de operações registradas no mesmo intervalo de 2016 (87,8 mil). Em seguida aparecem as motos, com 15,9 mil financiamentos e, depois, os veículos pesados, com 5,7 mil contratos.

Sudeste - A região Sudeste, líder nos financiamentos de veículos em todo o Brasil, somou 574,1 mil veículos vendidos a crédito no primeiro trimestre, alta de 10,2% em relação aos mesmos meses de 2016. Deste total, os automóveis leves foram responsáveis por 484,7 mil negociações e as motos por 68,4 mil contratos. Minas teve participação de 20,5% nos financiamentos na região.

O total de veículos financiados no Brasil no primeiro trimestre deste ano totalizou 1,208 milhão de unidades, entre automóveis leves, motocicletas, pesados e outros. Foi registrado um aumento de 7,2% em relação ao mesmo período de 2016. Desse total, os veículos novos somaram 409,7 mil unidades vendidas a crédito, enquanto os usados chegaram a 799,2 mil operações.

Publicidade

Aproveite! Assine o DC e tenha notícias exclusivas

Leia também

22/06/2017
Betim terá sistema viário de R$ 250 milhões
O empreendimento reunirá indústria, comércio e serviços, com previsão de aportes de R$ 1 bi em dez anos
22/06/2017
Desembolsos do BNDE para Minas Gerais caem 3% até maio
Os desembolsos do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) para Minas Gerais caíram 3%, em valor, entre janeiro e maio deste ano frente ao mesmo período de...
22/06/2017
Especialistas alertam para aumento nos teores de ferro e alumínio no rio Doce
Brasília - O vazamento de rejeitos de mineração da barragem da Samarco em Mariana (MG), em novembro de 2015, afetou profundamente o meio ambiente, enfatizaram ontem...
22/06/2017
Preços dos imóveis estão em alta na região da Savassi
Valor do metro quadrado está 152,2% acima da média na Capital
22/06/2017
Setor da construção movimentou R$ 354,4 bilhões em 2015, segundo o IBGE
Rio - O valor das incorporações, obras e serviços realizados pelas empresas de construção somaram R$ 354,4 bilhões em 2015, queda de 16,5% em termos...
 
© Diário do Comércio. Todos os direitos reservados. Política de Privacidade. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.