19/06/2018
Login
Entrar




Minas 2032

22/05/2018

Fome Zero & Qualidade de Vida é o tema do Diálogos DC

Evento será realizado nesta quarta no P7 Criativo
Daniela Maciel
Email
A-   A+
Amanhã, 23 de maio, a série Diálogos DC, promovida pelo Movimento Minas 2032 (MM2032) e realizada pelo DIÁRIO DO COMÉRCIO em parceria com a Multiverse e o Instituto Orior, leva para discussão o tema “Fome Zero & Qualidade de Vida”. O evento se refere aos Objetivos do Desenvolvimento Sustentável (ODS) 2: “Acabar com a fome, alcançar a segurança alimentar e melhoria da nutrição e promover a agricultura sustentável” e ao ODS 3: “Assegurar uma vida saudável e promover o bem-estar para todas e todos, em todas as idades”.

Participarão da mesa a coordenadora nacional da Pastoral de Rua, irmã Maria Cristina Bove, e o secretário-executivo do Governos Locais pela Sustentabilidade (Iclei), Rodrigo Perpétuo. O Iclei é principal associação mundial de cidades e governos locais dedicados ao desenvolvimento sustentável.

A Pastoral de Rua reúne leigos e religiosos sensibilizados com o sofrimento das pessoas que moram nas ruas. O principal objetivo é a aproximação daqueles que vivem nas vias públicas, estabelecendo o convívio fraterno e solidário.

A união dessas pessoas em torno de suas necessidades de sobrevivência, com o apoio da Pastoral de Rua, deu origem à Associação dos Catadores de Papel, Papelão e Material Reaproveitável de Belo Horizonte (Asmare) e aos grupos “Moradia para todos” e “Amigos da Rua”. Atua, em parceria com o poder público, em três projetos: República Reviver, Centro de Referência “Projeto Cidadania” e Projeto de Abordagem de Rua.

“Vou tentar levar para o debate qual o cenário da fome para a população de rua. A desigualdade é tão grande que a sociedade não tem noção do que é fome e do que ela causa para cada pessoa. As pessoas precisam saber o que isso significa. A fome no mundo não é por falta de produção, mas por um sistema que produz desigualdade. Quero falar também de políticas públicas e o papel da sociedade. A população de rua é invisível porque fechamos as janelas e não queremos saber, mas se torna bem visível quando incomoda, quando agride. Além da fome de pão e da sede de água, as populações marginalizadas têm fome de justiça porque são tratadas com desumanidade. Temos que ter um novo olhar sobre isso, sob pena das cidades não sobreviverem a essa tragédia humana”, afirma irmã Maria Cristina Bove.

O Iclei foi lançado como o Conselho Internacional para Iniciativas Ambientais Locais, em 1990, na sede das Nações Unidas, em Nova York. Atualmente, a organização, que leva o nome de Iclei – Governos Locais pela Sustentabilidade, é a principal associação mundial de cidades e governos locais dedicados ao desenvolvimento sustentável. É um poderoso movimento de 12 megacidades, 100 supercidades, 450 grandes cidades e regiões urbanas, bem como de 450 cidades de pequeno e médio porte em 83 países. O Iclei promove ação local para a sustentabilidade global e apoia cidades a se tornarem sustentáveis, resilientes, eficientes no uso de recursos, biodiversas, de baixo de carbono; a construírem infraestrutura inteligente e a desenvolverem uma economia urbana verde e inclusiva com o objetivo final de alcançar comunidades felizes e saudáveis.

“Vou falar sobre as principais modificações na sociedade internacional – a perda relativa do poder do Estado, a importância das organizações sociais e dos governos locais - e as grandes pactuações que estão postas para que o mundo possa enfrentar problemas antigos de forma mais contemporânea. E como isso pode afetar o sistema capitalista moderno. Percebemos que a globalização foi capaz de globalizar os problemas, mas não as soluções. É hora de pensar em soluções mais solidárias e como isso pode ser uma prática comum para governos e empresas”, explica Perpétuo.

Leia também:
Comunidade sustentável e a relação com a tecnologia


Workshop - Na segunda parte do Diálogos DC a plateia será convidada a formar três grupos de trabalho. A ideia é que grupos se formem em torno de três temas para análise e proposição de ações que coloquem os ODS em prática nas diferentes esferas da vida em Minas Gerais, especialmente no campo empresarial. O Grupo 1 ficará encarregado do tema: “Fome Zero & Qualidade de Vida em Minas Gerais”. O Grupo 2: “Como incorporar os ODS nas estratégias das Organizações”. E, finalmente o Grupo 3 pelos “Indicadores”.

O encontro acontece a partir das 8h30min, no P7 Criativo, na Avenida Afonso Pena, 4.000, 4º andar, bairro Cruzeiro (região Centro Sul). As inscrições podem ser feitas no site www.movimentominas2032.com.br. O evento dará continuidade ao debate e à mobilização – em Minas Gerais – em torno dos ODS, instituídos pela Organização das Nações Unidas (ONU), em 2015.

Publicidade

Aproveite! Assine o DC e tenha notícias exclusivas

Leia também

13/06/2018
MRV reduz emissão de gases do efeito estufa
Empresa mantém programa em seus escritórios, lojas e obras para diminuir o impacto ambiental da atividade
13/06/2018
Mineiros consideram a reciclagem importante
De acordo com pesquisa feita pelo Ibope Inteligência, a pedido da Cervejaria Ambev, o mineiro sabe da importância da reciclagem para o meio ambiente e acredita que seja uma...
13/06/2018
Ambev mantém iniciativas para mudar este cenário
A Cervejaria Ambev desenvolve uma série de iniciativas para contribuir com a mudança desse cenário, pois a sustentabilidade socioambiental é um pilar central de seu...
05/06/2018
RH tem papel primordial na difusão dos ODS
Cabe ao departamento difundir políticas de responsabilidade e afirmativas de acordo com a cultura empresarial
05/06/2018
Evento discutiu a diversidade na Capital
A edição 2018 do Fórum ABRH-MG, promovido pela Associação Brasileira de Recursos Humanos – Minas Gerais (ABRH-MG), aconteceu ontem, no Ouro Minas Palace...
› últimas notícias
Preço do diesel recua R$ 0,41 em Minas
Mais de 40% das empresas usam planilhas ao contratar
Inadimplência recua na Capital
TCU vai apurar se cobrança por despacho de bagagem reduziu preços das passagens
Governo espera movimentar a economia com liberação de saques
Leia mais notícias ›
› Newsletter
O melhor conteúdo exclusivo e gratuito no seu e-mail:




Cadastrar
› Mais Lidas
Leia todas as notícias ›
Publicidade
› Assine o DC

Acesso completo

aos conteúdos online e versão impressa.
Único jornal especializado em Economia, Negócios e Gestão de Minas Gerais.
Ferramenta indispensável para fazer bons negócios.
› Edição Impressa


19 de junho de 2018
Conteúdo exclusivo para assinantes
› DC no Facebook
 
© Diário do Comércio. Todos os direitos reservados. Política de Privacidade. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.