Publicidade
25/07/2017
Login
Entrar

DC Lab

07/06/2017

Imaginação pode virar realidade virtual

Ana Carolina Dias
Email
A-   A+
A paixão que leva fãs a acreditarem em novas possibilidades colocadas dentro de uma caixa. A Holobox parte da experiência que os colecionadores têm com seus personagens favoritos da cultura pop para desenvolver projetores de hologramas que ajudam a potencializar essa relação com as figuras colecionáveis por meio de imagens de alta resolução, iluminação LED dinâmica e som volumétrico. O protótipo, inicialmente criado para advertising em empresas, foi combinado com um boneco que decorava o escritório de design onde surgiu a startup e a ideia chegou às redes sociais por meio de um vídeo que gerou engajamento fora do comum.

“Em menos de três semanas, foram cerca de 12 milhões de visualizações, com alcance na mídia nacional e internacional, e mais de 1.500 pedidos sem nenhum outro tipo de divulgação. Desde então, encaramos o projeto com um olhar diferenciado e começamos a montar com foco específico para tornar o que antes só poderia ser imaginado em algo tangível, com hologramas realistas em volta dos personagens”, diz o fundador e CEO da Holobox, Bruno Zanetti.

Para Zanetti, o diferencial do produto é exatamente não usar o holograma como uma ferramenta para publicidade, respeitando as ações do personagem e mantendo um diálogo assertivo com as produções originais. “O principal é a abordagem do personagem tentando respeitar o universo no qual ele está inserido e o que ele pode fazer. Tentamos imaginar, caso o personagem tivesse vida, qual seria a visão dele, para manter no público a ideia de assistir um filme ou desenho com a participação dele”, assegura.

Desde o início contando com a força da interação do público via internet, os empreendedores tomaram a decisão de buscar um site de financiamento coletivo para começar as vendas depois de dois anos acompanhando feiras especializadas em cultura pop e da participação no programa de aceleração Fiemg Lab. “A ideia é entrar no Kickstarter ainda este mês, com a quantidade mínima de 250 caixas, para fazer a primeira rodada industrial de produção. O site costuma ter uma abrangência de visualização muito grande para projetos deste tipo. Inicialmente serão vendidos pacotes fixos com 15 hologramas predefinidos para cada personagem também já estipulado”, explica o CEO.

As possibilidades planejadas pelos criadores para o Holobox não param por aí. Após os resultados do financiamento coletivo, a tendência é personalizar ainda mais o produto, começar as vendas diretas e fazer com que o produto tenha funcionalidades de um videogame. “O próximo passo é o desenvolvimento do software completo, que é uma plataforma de e-commerce na qual o cliente pode comprar novos hologramas. Queremos ainda disponibilizar um kit de desenvolvimento de softwares (SDK) para as pessoas criarem seus próprios hologramas e, por último, a ideia é transformar o Holobox em um video game que poderá ser controlado via smartphone ou joystick”, projeta.

Com meta de vender 2 mil unidades neste ano e aumentar para 20 mil em 2018, Zanetti ressalta a importância do Fiemg Lab para validação, profissionalização e internacionalização do modelo de negócios da Holobox. “Entramos no Fiemg Lab sabendo que éramos uma empresa internacional mas não sabíamos como começar. Agora já entendemos diversos pormenores que, em escala, vão fazer diferença, como a abertura de uma empresa fora do País e consolidação da cadeia de fornecedores. Usando as franquias de personagens no modelo que vai chegar na casa dos clientes, temos uma escala global. A ideia é iniciar as vendas internacionais e, para isso, contamos com toda a estrutura da Fiemg”, afirma Zanetti, que planeja ainda uma rodada de investimentos para o fim da segunda etapa do programa de aceleração, tendo como base os dados do financiamento coletivo.

Publicidade

Aproveite! Assine o DC e tenha notícias exclusivas

Leia também

12/07/2017
Diário do Comércio adere à trilha da inovação
Projeto do jornal acompanha o dia a dia das startups aceleradas no Fiemg Lab
11/07/2017
Psicologia Viva inicia processo de internacionalização
Plataforma inicia este mês operação no Chile, com apoio do governo
11/07/2017
Processos seletivos ganham aliado
A procura pelo candidato ideal para uma vaga de emprego pode significar uma caixa de entrada cheia de e-mails e diversos currículos a serem analisados para a triagem dos profissionais...
06/07/2017
Finep Startup investe R$ 1 milhão por empresa
Iniciativa, que contou com o apoio da Fiemg Lab e P7 Criativo, pretende reduzir gap de financiamento existente
05/07/2017
Startups abrem oportunidades de emprego
O crescimento do número de startups em Minas Gerais e no Brasil pode representar uma opção para quem procura por oportunidades de emprego diante do contexto de crise...
› últimas notícias
Drogarias e cosméticos têm expansão em BH
MPEs e médias reivindicam regras melhores
Antecipando Copom, Santander reduz juros de linhas para pessoa física
Gasmig projeta expansão do mercado
Inflação: Consumidores esperam alta de 6,9% em 12 meses
Leia mais notícias ›
› Newsletter
O melhor conteúdo exclusivo e gratuito no seu e-mail:

Cadastrar
› Mais Lidas
Multilaser prevê faturar R$ 1,950 bilhão
Semana Internacional do Café acontece em outubro, na Capital
Alta de imposto reduz atividade produtiva
PBH anuncia reajuste de 2,53% para 50 mil servidores
Vendas no varejo recuaram 3,2% no semestre, sinalizando melhora
Leia todas as notícias ›
Publicidade
› DC Franquia
Guarde Mais abre 2ª unidade em Minas
Rede paulista Planeta Kids busca ampliar mercado em Minas Gerais
Nova Lima ganha primeira unidade da Pingu's English, voltada para crianças
Redes internacionais ganham espaço
Com 853 cidades, MG atrai atenção das franqueadoras
Leia todas as notícias ›
› Assine o DC

Acesso completo

aos conteúdos online e versão impressa.
Único jornal especializado em Economia, Negócios e Gestão de Minas Gerais.
Ferramenta indispensável para fazer bons negócios.
› Edição Impressa


25 de July de 2017
Conteúdo exclusivo para assinantes
› DC no Facebook
 
© Diário do Comércio. Todos os direitos reservados. Política de Privacidade. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.