Publicidade
23/09/2017
Login
Entrar

DC Lab

07/06/2017

InvestPlay, Figurini e Sales Creators de volta ao programa Fiemg Lab

Ana Carolina Dias
Email
A-   A+
Potencializar as vendas por meio do marketing de influência, ensinar as pessoas a investir melhor o dinheiro e prestar consultoria de moda e estilo por meio de uma plataforma on-line. As três soluções têm em comum o caminho que as startups responsáveis por elas seguem a partir de agora. A Sales Creators, InvestPlay e Figurini foram reconvocadas para a segunda etapa do programa de aceleração Fiemg Lab, ocupando o lugar da MyPS, Geraes Tecnologia e Net Resíduos, que foram selecionadas para o Startups and Entrepreneurship Ecosystem Development (Seed). A substituição é prevista em edital, de acordo com os critérios de avaliação e classificação excedente.

Após o resultado de cada uma das fases do programa, as startups que não são selecionadas continuam sendo beneficiadas com acesso à infraestrutura (coworking), participação nas palestras, reuniões com a gestão, prática do give first e mentorias. Para o gestor do Fiemg Lab, Fábio Veras, esse é um passo fundamental no desenvolvimento de uma comunidade com conexões efetivas, contatos e compartilhamento de experiências. “Para além de um programa de aceleração, nós estamos construindo uma comunidade de empreendedores de alto impacto. Isso pode ser percebido claramente quando vemos, no espaço do Fiemg Lab, tanto as startups que continuam no programa quanto as que ‘saíram’ convivendo, interagindo, gerando e recebendo conexões”, comenta.

Sales Creators - As demandas reais que surgiram durante a participação nos primeiros meses do programa de aceleração foram responsáveis por mudanças decisivas na Sales Creators, que adotou esse nome após pivotar para alcançar áreas inicialmente não previstas. Por meio da conexão e orientação de influenciadores digitais, a startup realiza campanhas para marcas de diversos segmentos com o objetivo de aumentar as vendas. “Nosso papel é acompanhar e fazer com que o influenciador consiga, de fato, entregar o melhor resultado”, explica a CEO, Natália Ambrósio.

De acordo com ela, o ambiente de colaboração e a disponibilidade de benefícios que o programa continuou a oferecer, fizeram com que a equipe mantivesse a frequência no coworking até serem surpreendidos com a informação da entrada efetiva na lista dos 35 classificados. “Mesmo sem ter passado para a segunda fase antes, a maturidade que adquirimos nos primeiros dois meses foi de suma importância. Continuamos a vir pela conexão. Quando você tem um ambiente no qual as pessoas interagem e todo mundo está empreendendo é muito diferente. Além da infraestrutura, o ambiente é o que mais nos atrai para ter permanecido aqui”, diz Natália Ambrósio.

InvestPlay - A interatividade da gamificação é o caminho escolhido pela InvestPlay para mostrar que há um mundo de investimentos além da poupança. Segundo o CEO da startup, Iago Oselieri, a plataforma tem como objetivo principal educar as pessoas para que elas saibam como investir melhor o dinheiro. “O usuário nos informa qual seu objetivo ou sonho e depois de algumas perguntas traçamos seu perfil de investidor. Feito isso, começamos a ensinar sobre todos os produtos que combinam tanto com o perfil quanto com o objetivo financeiro”, afirma.

No estágio de validação do produto viável mínimo (MVP, de Minimum Viable Product), o CEO ressalta que, os motivos pelos quais a startup não foi classificada para a segunda etapa do Fiemg Lab em uma primeira oportunidade foram importantes para a reestruturação da plataforma. “Nós começamos a desenvolver o projeto propriamente dito dentro do Fiemg Lab e, baseados no feedback que nos mostrou a necessidade de uma validação mais palpável, resolvemos mudar o caminho e melhorar”, lembra.

A troca de conhecimento que a presença no coworking proporciona é uma busca constante para o CEO que pretende, até o final dos próximos seis meses de aceleração, começar as vendas e o faturamento. “É uma oportunidade que não se tem todo dia, temos acesso a um escritório e a pessoas que estão na mesma situação que você. Aqui no ecossistema todo mundo se ajuda, trocamos experiências e isso faz irmos além do que está só na nossa cabeça e entendermos o que o mercado quer”, ressalta Oselieri.

Figurini - Experimentar as mais diversas peças de roupa sem precisar sair de casa. Essa é a proposta da plataforma on-line criada pela Figurini, que ajuda a otimizar as vendas da indústria da moda. “Nós prestamos uma consultoria de imagem, pela internet, de forma gratuita e automatizada. Com o uso de um avatar 3D, a usuária pode montar looks personalizados de acordo com a ocasião e características físicas, combinando produtos de diferentes e-commerce“, pontua uma das fundadoras da startup, Natália Melo.

No Fiemg Lab, a aceleração da primeira fase possibilitou a disponibilização da plataforma em caráter de teste e, agora, com a entrada na segunda etapa, o planejamento é aprimorar a usabilidade e o design do site, e aumentar a customização do serviço por meio de novas conexões, como explica Melo: “As metas agora são adequar o site que está no ar, fechar parcerias com grandes magazines para tornar o atendimento mais personalizado. Com a resposta inicial que o site trouxe, percebemos alguns problemas que conseguimos solucionar conversando com outras startups. A interação entre as equipes e com os profissionais que visitam o coworking é muito rica e é extremamente importante estarmos aqui”, diz.

Publicidade

Aproveite! Assine o DC e tenha notícias exclusivas

Leia também

12/07/2017
Diário do Comércio adere à trilha da inovação
Projeto do jornal acompanha o dia a dia das startups aceleradas no Fiemg Lab
11/07/2017
Psicologia Viva inicia processo de internacionalização
Plataforma inicia este mês operação no Chile, com apoio do governo
11/07/2017
Processos seletivos ganham aliado
A procura pelo candidato ideal para uma vaga de emprego pode significar uma caixa de entrada cheia de e-mails e diversos currículos a serem analisados para a triagem dos profissionais...
06/07/2017
Finep Startup investe R$ 1 milhão por empresa
Iniciativa, que contou com o apoio da Fiemg Lab e P7 Criativo, pretende reduzir gap de financiamento existente
05/07/2017
Startups abrem oportunidades de emprego
O crescimento do número de startups em Minas Gerais e no Brasil pode representar uma opção para quem procura por oportunidades de emprego diante do contexto de crise...
› últimas notícias
Minas Gerais terá planta de grafeno até 2020
Planta da Mercedes em Juiz de Fora opera com estabilidade
Empresariado está mais otimista e Icei atinge o maior nível desde março de 2013, aponta CNI
Carrefour Brasil troca de presidente e anuncia a emissão de R$ 2 bi em notas
Unifei entre as mil melhores universidades do mundo
Leia mais notícias ›
› Newsletter
O melhor conteúdo exclusivo e gratuito no seu e-mail:

Cadastrar
› Mais Lidas
Usiminas reajustará preços em 10,2%
Setor de mineração deve mudar o foco dos investimentos
Fiemg apresenta plano para o Alto Paranaíba
BR Food cogita reduzir produção em fábricas de Uberlândia
Crise econômica impacta o financiamento estudantil
Leia todas as notícias ›
Publicidade
› Assine o DC

Acesso completo

aos conteúdos online e versão impressa.
Único jornal especializado em Economia, Negócios e Gestão de Minas Gerais.
Ferramenta indispensável para fazer bons negócios.
› Edição Impressa


23 de September de 2017
Conteúdo exclusivo para assinantes
› DC no Facebook
 
© Diário do Comércio. Todos os direitos reservados. Política de Privacidade. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.