Publicidade

DC Inovação

17/03/2017

Lei do investidor anjo alinha o Brasil às tendências mundiais

Daniela Maciel
Email
A-   A+
Votada no segundo semestre do ano passado e em vigor desde janeiro, a Lei Complementar 155/2016 tem como objetivo regulamentar e facilitar a relação entre os chamados investidores anjo e as startups. A nova lei permite que, além das pessoas físicas, médias e grandes empresas aportem recursos em empresas de base tecnológica nascentes com mais segurança. A lei protege o “anjo” com relação a eventuais passivos que a...

Exclusivo para assinantes.


Para ler esta e outras matárias, cadastre-se gratuitamente ou assine.

Ler 5 matérias por mês

     

Receber nossas newsletters



Assinar
Cadastrar

Ou faça login

Leia também

23/03/2017
Kriativar entre as dez mais do mercado
A startup mineira Kriativar Educação e Tecnologia subiu ao ranking da Open Innovation Week, figurando entre as 10 startups mais atraentes do mercado, dentro do ranking 100 Open...
23/03/2017
Algoritmo ajuda combater Aedes aegypti
Startup reduz a milésimos de segundo o trabalho de horas de monitoramento de ovos por meio de ovitrampas
23/03/2017
Sebrae e CDL apoiam empresas que criam soluções para o varejo
Em um cenário de baixo crescimento econômico, que afeta em cheio o setor varejista, a adoção de ferramentas inovadoras de gestão é decisiva para a...
17/03/2017
Inscrições para o BMG Digital Lab são prorrogadas
O Banco BMG lançou, no mês passado, a primeira fase do programa BMG Digital Lab, voltado à contratação de soluções digitais para...
17/03/2017
BH na rota de aceleradora para microcervejarias
Bier Hub vai visitar 12 cidades, selecionar uma empresa em cada localidade e investir cerca de R$ 400 mil por projeto
 
© Diário do Comércio. Todos os direitos reservados. Política de Privacidade. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.