17/08/2018
Login
Entrar

Economia

13/06/2018

Na capital paulista, 51,1% das famílias devem

AE
Email
A-   A+
A Pesquisa de Endividamento e Inadimplência do Consumidor (Peic) de maio, realizada pela FecomercioSP, revelou que 51,1% das famílias da cidade de São Paulo estão endividadas e, entre elas, 9% não têm condição de pagar as dívidas e ficarão inadimplentes.

Em termos absolutos, 1,99 milhão de famílias paulistanas estão endividadas. Isso representa uma queda de 2,4 pontos porcentuais em relação a abril (53,5%) e de 1,3% p.p. na comparação com o maio do ano passado (52,4%).

A inadimplência permaneceu tecnicamente estável na comparação mensal, passando de 19,4% em abril para 19,3% em maio. São 751 mil famílias que não conseguiram quitar a dívida até a data do vencimento.

O nível de inadimplência é mais alto em famílias que recebem até 10 salários mínimos. Em maio, a taxa dos que têm dívida em atraso foi de 25%, 0,4 p.p. superior ao porcentual de abril e 0,6 p.p. acima na comparação anual. No grupo de famílias que têm renda superior a 10 salários mínimos, a taxa de inadimplência teve queda na comparação mensagem e anual. Em maio, a taxa foi de 6,7%, abaixo dos 7,5% vistos em abril e maio do ano passado.

Tempo médio - A pesquisa também revelou que houve aumento do tempo médio de pagamento em atraso, que passou de 62 dias registrados em maio do ano passado para 66 dias na última coleta.

Em nota, a FecomercioSP afirma que o resultado de maio “traz um sinal de alerta para o nível de inadimplência”, especialmente nas famílias de baixa renda.

Publicidade

Aproveite! Assine o DC e tenha notícias exclusivas

Leia também

17/08/2018
Desocupação diminui em Minas Gerais
Estimada em 10,8%, taxa recua 1,8 ponto percentual no segundo trimestre ante o primeiro
17/08/2018
Cemig fecha primeiro semestre com lucro de R$ 700 mi, alta de 45%
No fim de junho, dívida líquida somava R$ 13,3 bi
17/08/2018
Consumo de bens industriais avança 9,9% em junho, deixando efeito greve
Rio de Janeiro - O consumo de bens industriais aumentou em 9,9% em junho ante maio, segundo o Indicador Ipea Mensal de Consumo Aparente de Bens Industriais, divulgado ontem pelo Instituto de...
17/08/2018
Fontes de geração renováveis são 81,9% da capacidade instalada
Essa é também a origem de 87,8% da produção total no País
17/08/2018
Aumento de 0,5% passa a incidir hoje, nas refinarias, sobre o litro da gasolina
Rio de Janeiro - O litro da gasolina nas refinarias passará a custar R$ 1,9810 a partir de hoje, um aumento de 0,5% em relação ao preço de R$ 1,9711 cobrado ontem....
› últimas notícias
Leia mais notícias ›
› Newsletter
O melhor conteúdo exclusivo e gratuito no seu e-mail:




Cadastrar
› Mais Lidas
Leia todas as notícias ›
Publicidade
› Assine o DC

Acesso completo

aos conteúdos online e versão impressa.
Único jornal especializado em Economia, Negócios e Gestão de Minas Gerais.
Ferramenta indispensável para fazer bons negócios.
› Edição Impressa


17 de agosto de 2018
Conteúdo exclusivo para assinantes
› DC no Facebook
 
© Diário do Comércio. Todos os direitos reservados. Política de Privacidade. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.