Publicidade
22/05/2018
Login
Entrar

DC Inovação

25/01/2018

Programa seleciona startups para participar de feira em Berlim

ABr
Email
A-   A+
Brasília - O governo federal abriu dia 22 as inscrições para uma missão que levará 15 pequenas empresas de tecnologia - chamadas startups - à Alemanha, para participar de eventos e conhecer instituições e empresas envolvidas na área de inovação. A iniciativa ganhou o nome de StartOut Brasil e prevê quatro viagens como esta por ano.

As startups selecionadas viajarão entre os dias 13 e 18 de maio de 2018 para participar da feira de tecnologia Cube Tech Fair, em Berlim, capital do país. O encontro reúne companhias de tecnologia de diversos países e investidores.

De acordo com os organizadores, as startups integrantes da missão para conhecer instituições e empresas alemãs vinculadas à área de inovação, como aceleradoras e incubadoras. Segundo o Ministério da Indústria, Comércio Exterior e Serviços (Mdic), estão previstas na agenda também reuniões com empresas alemãs prestadoras de serviço.

Seleção - Na seleção, serão privilegiadas empresas com faturamento de mais de R$ 500 mil e que já tenham obtido algum tipo de financiamento. A equipe responsável pela escolha vai considerar também se as equipes estão integralmente dedicadas ao negócio, a fluência em inglês e o potencial de atuar internacionalmente.

As cinco primeiras colocadas terão os gastos com passagem aérea custeados pelo projeto. As demais terão de pagar para participar da viagem. As startups selecionadas vão fazer parte de um processo de preparação até a missão, com consultorias de especialistas em internacionalização no setor e no mercado alemão. De acordo com o Mdic, o processo de acompanhamento continua durante 18 meses após a viagem.

Internacionalização - Segundo o diretor de inovação e propriedade intelectual do Mdic, Igor Nazareth, o objetivo do StartOut Brasil é mudar a mentalidade das startups brasileiras que, geralmente, focam no mercado doméstico em vez de apostar em outros países, pois esse processo tende a ser mais arriscado e demanda recursos, capacitação e conexões.

“Queremos que elas já nasçam globais, propondo soluções também para o mercado externo. O programa irá conectar essas empresas com potenciais clientes, investidores e parceiros nos principais mercados de inovação do mundo. Muitas já têm tecnologia e capacidade para também operar fora do Brasil, mas falta experiência e conhecimento para entrar em novos mercados”, disse o diretor.

Segundo o relatório Startup Genome, estudo de referência sobre o tema, das empresas de São Paulo avaliadas apenas 9% visavam mercados estrangeiros importantes, como Estados Unidos e Reino Unido. O percentual fica abaixo da média mundial, em torno de 36%.

As inscrições no StarOuts Brasil podem ser feitas pelo site do projeto até o dia 19 de fevereiro. O resultado final será divulgado no dia 16 de março.

Publicidade

Aproveite! Assine o DC e tenha notícias exclusivas

Leia também

16/03/2018
Americana Airfox investe US$11,5 mi na expansão para o País
Negócio promete crédito sem burocracia às classes D e E
16/03/2018
Anjos do Brasil fecha acordo com o WBAF
Receber investimento anjo no Brasil é a aspiração de quase todas as startups. Mas receber aporte de um investidor no exterior, que traz consigo know how para a...
16/03/2018
BeeCâmbio negocia 22 moedas on-line
Comprar moeda estrangeira em Belo Horizonte ficou mais fácil com a chegada da startup paulista BeeTech à Capital. Por meio do seu produto BeeCâmbio, a empresa oferece a compra e...
21/02/2018
Empresas tradicionais se rendem à cultura das startups
Desejo de mudança acontece quando elas se sentem ameaçadas
21/02/2018
Seed impacta economia gerando emprego e negócios
Considerado um dos maiores projetos públicos de aceleração de startups da América Latina, o Startups and Entrepreneurship Ecosystem Development (Seed) deve abrir, nas...
› últimas notícias
Preços inviabilizam transporte de cargas
Confiança do empresário avança 1,2 ponto
PIB tem aumento de 0,3% no 1º trimestre
Minas recorrerá à expertise chinesa para aproveitar rejeitos
Balança brasileira registra superávit de US$ 1,924 bi na terceira semana de maio
Leia mais notícias ›
› Newsletter
O melhor conteúdo exclusivo e gratuito no seu e-mail:




Cadastrar
› Mais Lidas
Leia todas as notícias ›
Publicidade
› Assine o DC

Acesso completo

aos conteúdos online e versão impressa.
Único jornal especializado em Economia, Negócios e Gestão de Minas Gerais.
Ferramenta indispensável para fazer bons negócios.
› Edição Impressa


19 de maio de 2018
Conteúdo exclusivo para assinantes
› DC no Facebook
 
© Diário do Comércio. Todos os direitos reservados. Política de Privacidade. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.