Publicidade
22/05/2018
Login
Entrar

Internacional

10/05/2018

Projeto que elimina bitributação é aprovado

ABr
Email
A-   A+
Buenos Aires - A Câmara dos Deputados da Argentina aprovou ontem um projeto de lei que elimina a bitributação com o Brasil e facilita a exportação para pequenas e médias empresas e empreendedores argentinos. A medida atinge o setor de Sistemas Baseados em Conhecimento (SBC) e incide diretamente em programas de computador que utilizam conhecimento para resolver problemas. Com a nova lei, quem exportar esse serviço ao Brasil poderá descontar do Imposto de Renda argentino, deixando de pagar aos dois fiscos e ganhando em competitividade.

A informação foi divulgada em nota, ontem, pelo Ministério de Relações Exteriores da Argentina, que ressaltou a importância do mercado brasileiro, cujas importações anuais de serviços equivalem a US$ 13 bilhões.

“Os serviços baseados no conhecimento (SBC) são o quarto setor exportador da Argentina e representam 10% das exportações totais de bens e serviços (do país)”, diz a nota.

O Brasil e a Argentina assinaram um convênio para evitar a bitributação em 1980, em um período em que o setor de serviços estava pouco desenvolvido. Em julho do ano passado, os dois países decidiram eliminar a bitributação.

Regras - A nova lei introduz um mecanismo que permite à Argentina e ao Brasil deduzir de seus impostos de renda o mesmo valor retido no outro país e estabelece limites à retenção de imposto de renda, que variam entre 10% e 15%. As estimativas são de que a nova norma beneficiará 46 mil empresas argentinas.

Em 2017, as exportações do setor chegaram a US$ 6,8 bilhões. De acordo com os dados oficiais, este ano, as exportações registram crescimento de 30% a mais em relação ao período anterior.

Publicidade

Aproveite! Assine o DC e tenha notícias exclusivas

Leia também

22/05/2018
Grupo de Lima não reconhece vitória de Maduro em eleições
Brasília - Brasil e mais 13 países latino-americanos integrantes do chamado Grupo de Lima emitiram ontem uma declaração na qual afirmam não reconhecer o...
19/05/2018
OMS alerta Brasil sobre surtos de doenças
Diretor-geral de entidade diz que País corre grande risco com alto fluxo de pessoas que circulam nas fronteiras
19/05/2018
Programa de resgate vai focar em redução da dívida pública da Argentina
Washington - A diretora-gerente do Fundo Monetário Internacional (FMI), Christine Lagarde, afirmou, na sexta-feira (18), que o objetivo do programa de resgate à Argentina...
18/05/2018
Tensões começam a afetar comércio
Segundo entidade internacional, protecionismo pode prejudicar avanço do setor no mundo
18/05/2018
Detalhes de apoio do FMI já estão em discussão
Washington - O Fundo Monetário Internacional (FMI) espera fornecer à Argentina um programa de apoio de alto acesso, mas detalhes precisos sobre o que ele irá abranger ainda...
› últimas notícias
Preços inviabilizam transporte de cargas
Confiança do empresário avança 1,2 ponto
PIB tem aumento de 0,3% no 1º trimestre
Minas recorrerá à expertise chinesa para aproveitar rejeitos
Balança brasileira registra superávit de US$ 1,924 bi na terceira semana de maio
Leia mais notícias ›
› Newsletter
O melhor conteúdo exclusivo e gratuito no seu e-mail:




Cadastrar
› Mais Lidas
Leia todas as notícias ›
Publicidade
› Assine o DC

Acesso completo

aos conteúdos online e versão impressa.
Único jornal especializado em Economia, Negócios e Gestão de Minas Gerais.
Ferramenta indispensável para fazer bons negócios.
› Edição Impressa


19 de maio de 2018
Conteúdo exclusivo para assinantes
› DC no Facebook
 
© Diário do Comércio. Todos os direitos reservados. Política de Privacidade. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.