20/06/2018
Login
Entrar

FAEMG

14/12/2017

Qualidade de vida para a família do campo

Email
A-   A+
Entre os cursos de Formação Profissional Rural está o de colhedora/Viviane Santana
Consolidando sua missão de levar aos produtores e trabalhadores rurais e suas famílias conhecimento e qualidade de vida, também em 2018 o Serviço Nacional de Aprendizagem Rural – Minas Gerais (Senar Minas) levará a seu público ferramentas para que acompanhem os avanços tecnológicos e empreendam com seus produtos.

O Senar atua gratuitamente na formação profissional e promoção social da “família do campo”. São mais de 300 cursos de Formação Profissional Rural (FPR) e Promoção Social (PS). Por ano, são cerca de 200 mil pessoas atendidas, e a previsão para 2018 é novamente bater esse número. Nos últimos cinco anos, a entidade vem mantendo uma taxa anual de crescimento da ordem de 10%.

Até o fim de novembro, foram realizados 13.221 cursos de Formação Profissional Rural e Promoção Social, atendendo a 166.658 pessoas entre produtores, trabalhadores rurais e familiares. Tudo isso em parceria com 386 entidades cooperadas, distribuídas por todo o Estado. Estes números não contabilizam os programas especiais, que atendem milhares de pessoas.

Projetos - Para o próximo ano, o Senar Minas planeja promover 13.788 cursos, atendendo a mais de 180 mil pessoas, sem contar os programas especiais. O planejamento é elaborado com base na análise do histórico de eventos realizados nos anos anteriores, no conhecimento do mercado de trabalho, nas necessidades das comunidades rurais apresentadas em encontros periódicos com os gestores, além da análise do cenário econômico e tendências das principais atividades.

Sucessão no Campo - A proposta de atuação é investir mais fortemente na formação dos jovens, segundo relata o superintendente Antônio do Carmo Neves. “Temos programas como o Jovem no Campo, o Aprendizagem Rural e o Sucessão no Campo, que reafirmaram seu potencial e qualidade esse ano. O programa Sucessão no Campo, que incentiva e prepara as famílias para a sucessão familiar, por exemplo, que esse ano foi colocado como piloto em Coromandel, foi um sucesso absoluto”. 

Para Antônio do Carmo Neves, a grande atribuição do Senar é contribuir para o desenvolvimento do agronegócio no Estado. “Sua missão está ligada ao atendimento do mercado de trabalho, com o desenvolvimento de aptidões pessoais e sociais e melhoria da qualidade de vida da família e para poder capacitar essas pessoas a interagir na sua comunidade”, explica.

Inovações - Atendendo à demanda do mercado e de empresas do agro serão incluídos no catálogo de cursos em 2018 capacitações de Drone, Torra de Café, Maturação e Análise Sensorial de Queijos Artesanais, Trabalhador em Segurança e Serviços com Eletricidade e Segurança e Serviços com Inflamáveis e Combustíveis, entre outros.

Iniciativas como o Programa Gestão com Qualidade em Campo (GQC) e Negócio Certo Rural estimulam a mudança de visão do produtor, levando-o a administrar sua propriedade como uma empresa rural e otimizar seus processos.

O Senar também envolve os familiares ao promover ações como a Campanha de Saúde Bucal, e os programas Família na Praça e Encontro de Famílias Rurais, que levam prestação de serviços, saúde, lazer, esportes, apresentações culturais e oficinas que agradam desde crianças até idosos.

Retorno de sucesso - A entidade também vem centrando investimentos em programas de assistência técnica como o Projeto ABC Cerrado, iniciativa do Senar Administração Central e do Banco Mundial que conscientiza os produtores para a produção com sustentabilidade, desenvolvido no Norte do Estado, e o Programa de Assistência Técnica e Gerencial - ATeG Café, que leva a pequenos cafeicultores das regiões Sul de Minas e Matas de Minas consultorias personalizadas para gerir desde o plantio do grão até os resultados da produção.

ESPECIAL FAEMG


Publicidade

Aproveite! Assine o DC e tenha notícias exclusivas

Leia também

14/12/2017
Conhecimento e integração são caminhos para a superação dos desafios
ENTREVISTA | Robertos Simões, presidente do Sistema Faemg
14/12/2017
Agropecuária fortalece a economia
Além de gerar emprego e renda, o setor tem contribuído para diminuir a inflação
14/12/2017
Melhoria de qualidade do café amplia mercado
Mesmo em um ano de adversidades e preços baixos, o café de Minas ganhou mais espaço no cenário internacional
14/12/2017
Minas tem safra recorde de grãos, com alta de 21% ante 2016
Clima e tecnologias contribuíram
14/12/2017
Silvicultura | Queda no consumo reduz áreas florestais em 0,4%
Com 1,4 milhão de hectares de florestas plantadas e respondendo por 20% da área nacional, Minas Gerais possui a maior área de reflorestamento do Brasil, segundo os dados da...
› últimas notícias
Novo cenário econômico impacta a construção civil
MRS firma parcerias para avançar
Camex susta antidumping a produtos de China e México
Compras das siderúrgicas retraem 3%
Anfavea e Finep estudam construção de centro de testes automobilísticos
Leia mais notícias ›
› Newsletter
O melhor conteúdo exclusivo e gratuito no seu e-mail:




Cadastrar
› Mais Lidas
Leia todas as notícias ›
Publicidade
› Assine o DC

Acesso completo

aos conteúdos online e versão impressa.
Único jornal especializado em Economia, Negócios e Gestão de Minas Gerais.
Ferramenta indispensável para fazer bons negócios.
› Edição Impressa


20 de junho de 2018
Conteúdo exclusivo para assinantes
› DC no Facebook
 
© Diário do Comércio. Todos os direitos reservados. Política de Privacidade. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.