Publicidade

DC Franquia

28/12/2016

Quiksilver inicia expansão por meio de franquias

Daniela Maciel
Email
A-   A+
Segundo Paulo Schwarz, o objetivo para 2017 é abrir entre seis e oito lojas da Quiksilver/Pedro Soares/Divulgação
Fundada em 1969 na Austrália e há mais de 20 anos no Brasil, a Quiksilver - líder em moda surfwear - e que reúne as marcas Quiksilver, Roxy e DC Shoes, desenvolve um novo ciclo de expansão por meio do modelo de franquias. A meta para os próximos três anos é abrir 30 unidades, a maioria delas nas capitais. Atualmente, são três lojas próprias no Brasil (duas no Rio de Janeiro e uma em São Paulo); seis franquias (uma em São Paulo, duas em Porto Alegre, e três no Rio de Janeiro). Além disso, é comercializada pelo e-commerce e por meio de multimarcas.

De acordo com o gerente de varejo e franquias da Quiksilver, Paulo Schwarz, o objetivo para 2017 é abrir entre seis e oito unidades. “Hoje, Belo Horizonte é uma das cidades em que mais desejamos abrir uma loja. Temos conversas iniciadas em Salvador e Curitiba, mas na Capital ainda não. Acreditamos que a cidade comporte mais de uma unidade e a abertura é só uma questão de oportunidade. Outras cidades mineiras também estão aptas a receber uma operação: Uberlândia (Triângulo), Juiz de Fora (Zona da Mata), Contagem e Betim (Região Metropolitana de Belo Horizonte)”, explica Schwarz.

A escolha do ponto é fundamental. Um estudo é realizado para que a unidade não prejudique as multimarcas que distribuem os produtos. Na maioria das vezes são lojas em shopping centers. O investimento médio inicial é calculado em R$ 5 mil por metro quadrado (excluindo o ponto comercial). Uma loja considerada ideal, capaz de abrigar as três marcas, tem em torno de 60 metros quadrados.

“Temos todo o cuidado com as multimarcas porque elas são o nosso canal de vendas preferencial, responsáveis por cerca de 70% do faturamento no mundo e um pouco mais que isso no Brasil. O objetivo da loja é fortalecer o posicionamento da marca e, no médio prazo, ajudar as multimarcas a venderem mais. Avaliamos que em algumas praças específicas nem seja o ideal ter uma loja nossa para não prejudicar o andamento das parceiras. Por isso devemos ter apenas entre 30 e 40 operações, entre próprias e franquias no Brasil”, destaca o gerente de varejo e franquias da Quiksilver.

O perfil do franqueado ideal é aquele de espírito empreendedor e com alguma experiência em varejo, preferencialmente de moda. Identificação com o estilo também é importante. Cerca de 90% dos clientes frequentes não são praticantes dos chamados “esportes de prancha”, cujos mais populares no Brasil são o surf e o skate, mas se identificam com o estilo de vida preconizado pelos esportistas.

A rede fatura no Brasil acima de R$ 15 milhões ao ano e pretende fechar 2017 com aumento de 50% no faturamento. A Quiksilver Brasil é uma subsidiária da matriz australiana e figura entre as top dez em rentabilidade mundial. Está presente em mais de 100 países, distribuída por diversos canais, entre eles, surf e skateshops, lojas de departamentos esportivos, em cerca de 700 lojas próprias e franqueadas, além dos e-commerces.

Publicidade

Aproveite! Assine o DC e tenha notícias exclusivas

Leia também

13/01/2017
Setor de franchising cresceu 8% em 2016
Estimativa foi divulgada ontem pela ABF, que também projeta um faturamento de R$ 150 bi no período
13/01/2017
O Boticário encabeça lista das maiores
A Associação Brasileira de Franchising (ABF), realizou especificamente com as redes associadas, um levantamento sobre o perfil das 50 maiores franqueadoras do País e sobre o...
13/01/2017
Brasil tem 557 microfranquias em operação
A Associação Brasileira de Franchising (ABF) divulgou ontem um estudo sobre microfranquias. Conceito mundialmente estabelecido teve o valor mínimo de investimento inicial...
11/01/2017
Ortoplan projeta ampliar em 30% o total de clínicas em operação
A Ortoplan - Especialidades Odontológicas, uma das maiores redes de franquias de clínicas odontológicas do Mercosul projeta ampliar em 30% o número de unidades em...
11/01/2017
Megamatte prevê aumentar o número de lojas em Minas
Devem ser abertas 21 unidades
 
© Diário do Comércio. Todos os direitos reservados. Política de Privacidade. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.