Publicidade
22/08/2017
Login
Entrar

FEDERAMINAS - Negócios em Foco

22/12/2016

Seminário debate mudanças na legislação tributária para 2017

Assessoria de Comunicação Federaminas
Email
A-   A+
Alterações em relação às micro e pequenas empresas, mudanças nas regras da partilha do ICMS, vantagens e desvantagens do Simples Nacional, lucro real ou lucro presumido, recolhimento do ISSQN e globalização fiscal foram algumas das questões debatidas no Seminário Planejando 2017 – Aspectos Fiscais, que o Conselho Estadual de Assuntos Tributários da Federaminas realizou em 15 de dezembro. O evento examinou as alterações na legislação tributário-fiscal para o próximo ano visando subsidiar o planejamento tributário das empresas.

O seminário teve a participação de empresários e especialistas em Direito Tributário e marcou o encerramento dos trabalhos do conselho neste ano. Novos seminários estão previstos para 2017, de acordo com a proposta do órgão de manter os empresários filiados às associações comerciais informados sobre aspectos da legislação fiscal importantes para a bem-sucedida gestão dos negócios.

O Seminário Planejando 2017 – Aspectos Fiscais foi promovido pela Federaminas no auditório da Fecomércio-MG, em parceria com essa entidade. Atuaram como palestrantes os advogados Marcelo Jabour Rios, presidente do conselho, Valter de Souza Lobato, Alexandre Antônio Alkmim Teixeira, Marcelo Nogueira de Morais, João Paulo Fanuchi, Marcelo Braga Rios, Frederico Breyner, Alessandra Brandão Teixeira, Rogério Marques Noé e Bernardo Motta Moreira.

Os temas focalizados em palestras e debates no evento foram ISSQN – o município competente para exigir o tributo; a mudança da partilha do ICMS nas vendas interestaduais para destinatários não contribuintes do imposto; enquadramento no Simples Nacional, lucro real ou lucro presumido; globalização fiscal: a troca de informações pelos fiscos, nos planos interno e internacional; as novidades para as microempresas e para as empresas de pequeno porte.

A propósito da iniciativa do Conselho Estadual de Assuntos Tributários, o presidente da Federaminas, Emílio Parolini, ressaltou a relevância da análise dos aspectos fiscais da legislação tributária para o próximo ano, especialmente as novidades em relação às micro e pequenas empresas, de forma a embasar orientação ao empresariado para o correto cumprimento de suas obrigações nessa área.

Conforme disse o líder classista, ao lado de se manter vigilante quanto a mudanças nas leis tributárias eventualmente prejudiciais às empresas, a Federaminas tem como vertente de trabalho a capacitação dos empresários visando a boa gestão de seus negócios, o que, obviamente, inclui a questão fiscal. Para ele, o Seminário Planejando 2017 – Aspectos Fiscais enquadrou-se nessa diretriz.

Os textos publicados nesta editoria são de responsabilidade da Federaminas. O Diário do Comércio não se responsabiliza e nem poderá ser responsabilizado pelas informações e conceitos emitidos e seu uso correto.

Publicidade

Aproveite! Assine o DC e tenha notícias exclusivas

Leia também

19/08/2017
Federaminas difunde projeto de educação financeira em MG
O consumo consciente e a prevenção do endividamento são alguns dos principais conceitos do projeto de educação financeira que a Federaminas dissemina pelo Estado....
12/08/2017
Pró-Município vê demandas de cidades-polo no Estado
A realização de um diagnóstico situacional envolvendo potencialidades e demandas prioritárias das comunidades de cidades-polo do Estado dá início à...
05/08/2017
Excesso de textos normativos acarreta caos jurídico ao País
A revisão do sistema normativo brasileiro, principalmente no que se relaciona à tributação, é fundamental para corrigir o caos jurídico que se verifica no...
05/08/2017
FEDERAMINAS 05/08
Exponor aproxima produtores e comerciantes em Teófilo Otoni Considerada a maior mostra empresarial do Nordeste mineiro, a ExponorTO2017 acontece no centro de convenções...
29/07/2017
Advogado critica decisão de TRF sobre os combustíveis
A decisão do Tribunal Regional Federal da 1ª Região, sediado em Brasília, de anular decisão de primeira instância que suspendeu o aumento de PIS/Cofins...
› últimas notícias
Preço de imóvel para venda na Capital foi o menor de 2017
Déficit habitacional em Minas chegou a 8%
Liminar suspende o leilão de quatro usinas da Cemig
ANP vai priorizar volta da produção de campos maduros
Petrobras aumenta preços da gasolina em 3,3% e do diesel em 2,3% nas refinarias
Leia mais notícias ›
› Newsletter
O melhor conteúdo exclusivo e gratuito no seu e-mail:

Cadastrar
› Mais Lidas
Mineira Supremo Carnes abre planta em Campo Belo
Banco Central registra avanço de 0,2% no Sudeste
ENTREVISTA | FRANK SINATRA, PRESIDENTE DA FCDL-MG
Cemig oferece R$ 11 bilhões para evitar leilão
Commodities impulsionam o Ibovespa
Leia todas as notícias ›
Publicidade
› Assine o DC

Acesso completo

aos conteúdos online e versão impressa.
Único jornal especializado em Economia, Negócios e Gestão de Minas Gerais.
Ferramenta indispensável para fazer bons negócios.
› Edição Impressa


22 de August de 2017
Conteúdo exclusivo para assinantes
› DC no Facebook
 
© Diário do Comércio. Todos os direitos reservados. Política de Privacidade. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.