Publicidade

Opinião

07/01/2017

Vítimas de Manaus

Carlos Perktold*
Email
A-   A+
Há alguns anos libertei um amigo do depósito de presos da Lagoinha. Ele havia sido flagrado comprando maconha numa comunidade suspeita, a polícia chegou e ele ficou preso de sexta até segunda-feira à tarde. Depois de negociação com o delegado de plantão, ele foi liberado. Lembrei-me dele por que a primeira coisa que ele me disse após essa experiência deplorável foi uma frase que nunca esqueci: “Carlos,...

Exclusivo para assinantes.


Para ler esta e outras matárias, cadastre-se gratuitamente ou assine.

Ler 5 matérias por mês

     

Receber nossas newsletters



Assinar
Cadastrar

Ou faça login

Leia também

25/03/2017
Editorial
Roubo de cargas virou epidemia
25/03/2017
Corrupção e omissão
O ranço de repetirmos nossos pais, para o bem ou para o mal, é atávico e inexorável. No macrocosmo do País, inconscientemente, colocamos o seu comandante no lugar...
25/03/2017
Um relato atordoante
"Eu tenho pena de deixar-te nua, na presença de todos." (Um dos torturadores de Madre Maurina) A espantosa tragédia vivida por Madre Maurina Borges da Silveira...
25/03/2017
Operação Carne Fraca
“Quanto menos as pessoas souberem como são feitas as leis e as salsichas melhor elas dormirão” (Otto Von Bismarck -1815-1898). Esta frase famosa de Bismarck...
24/03/2017
Editorial
Velhos problemas e velhas soluções
 
© Diário do Comércio. Todos os direitos reservados. Política de Privacidade. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.