24/06/2018
Login
Entrar

Política

Email
A-   A+

Viúva aponta "covardia"

A professora Glauce Burity, viúva do ex-governador da Paraíba Tarcísio de Miranda Burity, reagiu com indignação à notícia da renúncia do deputado Ronaldo Cunha Lima (PSDB-PB) para não ser julgado pelo Supremo Tribunal Federal (STF). Lima responde pela tentativa de assassinato contra Burity, desafeto político. Agora, Lima deve ser julgado pelo Tribunal do Júri Popular, em João Pessoa. Glauce disse que a atitude de ele renunciar para não ser julgado pelo STF "é uma covardia".
01/11/2007
Contas de Alckmin
A assessoria técnica do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) recomendou a rejeição das contas de campanha do ex-governador de São Paulo Geraldo Alckmin (PSDB), ex-candidato a presidente, e do...
01/11/2007
Prefeito é condenado
O Tribunal Regional Eleitoral de São Paulo condenou o prefeito de Quadra, Oscar Dias da Rosa (PSDB), por corrupção eleitoral realizada nas eleições de 2000. A decisão foi por maioria de...
01/11/2007
Relatório de Demóstenes é derrubado pelo governo
CPI livra nove de indiciamento . Brasília - O governo conseguiu derrubar o relatório final produzido por Demóstenes Torres (DEM-GO) e aprovou, na CPI do Apagão Aéreo do Senado, texto...
01/11/2007
Zuanazzi sai e critica propostas de Jobim
Brasília - O presidente da Agência Nacional de Aviação Civil (Anac), Milton Zuanazzi, deixou o cargo ontem prevendo problemas no setor aéreo, sobretudo para as pessoas mais pobres devido...
01/11/2007
Fiscalização da Anac será mais intensa, diz ministro
Brasília - O ministro da Defesa, Nelson Jobim, voltou a afirmar que a Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) agia com leniência e avisou que a partir de agora as empresas aéreas serão...
31/10/2007
Câmara de BH poderá mudar Lei do Silêncio
O projeto da Prefeitura de Belo Horizonte que revoga a nova Lei do Silêncio, em função do excesso de rigor na legislação, que inviabiliza o funcionamento de bares e restaurantes na Capital,...
31/10/2007
CGU nega omissão em repasses a ONGs
Governo fiscaliza verbas, diz ministro . Brasília - O ministro da Controladoria Geral da União (CGU), Jorge Hage, negou ontem que o governo federal tenha sido omisso na fiscalização...
31/10/2007
Hage critica legislação inadequada
Brasília - O ministro da Controladoria Geral da União 9CGU), Jorge Hage, criticou onteme a legislação sobre as organizações não-governamentais (ONGs). "O pais não dispõe de uma...
31/10/2007
MPE acusa vereadores da Capital de nepotismo
O Ministério Público Estadual (MPE) propôs ação civil pública para tentar anular a contratação de 17 parentes de 12 vereadores da Câmara Municipal de Belo Horizonte, contratados sem...
31/10/2007
Recuperação de Alencar
Em uma cirurgia de mais de quatro horas na manhã de ontem, o vice-presidente José Alencar, de 76 anos, extraiu um tumor maligno do lado esquerdo do abdomen de 3,8 centímetros. Depois desta...
31/10/2007
Reaproximação com a Bolívia
Depois de dois anos de atritos provocados pela política boliviana de nacionalização do petróleo e do gás natural, o governo brasileiro ensaia uma reaproximação com o governo de Evo Morales....
31/10/2007
Investimento da Petrobras
A reaproximação entre os governos brasileiro e boliviano poderá resultar na retomada de investimentos da Petrobras na Bolívia. Ontem, o ministro interino de Minas e Energia, Nelson Hubner,...
31/10/2007
Medidas provisórias
A Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) acusou ontem o Congresso de ser conivente com o governo ao permitir que o presidente Luiz Inácio Lula da Silva editasse até agora 400 medidas provisórias,...
31/10/2007
Edição de MPs em excesso
Durante almoço no Palácio do Planalto, os líderes na Câmara aproveitaram para fazer um pedido especial ao deputado Arlindo Chinaglia (PT-SP), que ocupa a Presidência da República ontem...

páginas PrimeiraAnterior707708709710711712713714715716717SeguinteÚltimaDe 10665 até 10680 de 11770 registros
› últimas notícias
Torcida não aquece as vendas no hipercentro
Prestadoras de serviços terrestres cogitam dispensa de pessoal com reoneração
Liminar contrária não abala Mendes Júnior
Primeiro leilão da Aneel prevê R$ 6 bi
BR Distribuidora aguarda decisão do TRT para mensurar os impactos
Leia mais notícias ›
› Newsletter
O melhor conteúdo exclusivo e gratuito no seu e-mail:




Cadastrar
› Mais Lidas
Leia todas as notícias ›
Publicidade
› Assine o DC

Acesso completo

aos conteúdos online e versão impressa.
Único jornal especializado em Economia, Negócios e Gestão de Minas Gerais.
Ferramenta indispensável para fazer bons negócios.
› Edição Impressa


23 de junho de 2018
Conteúdo exclusivo para assinantes
› DC no Facebook
 
© Diário do Comércio. Todos os direitos reservados. Política de Privacidade. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.