Empresas poderão destinar parte de seu imposto devido e contribuir para renovar a fachada do hospital e prédios anexos | Crédito: Alisson J. Silva

Após mais de 25 anos, desde a última pintura do primeiro hospital de Belo Horizonte, o Grupo Santa Casa BH (GSCBH) busca novamente apoio para revitalizar as fachadas da Santa Casa e de prédios anexos, como a Clínica de Olhos e as Unidades de Nefrologia e Oncologia. O projeto prevê, ainda, a revitalização das calçadas do quarteirão do complexo hospitalar.

O valor total do projeto é de mais de R$ 6 milhões e, para arrecadar os recursos, o GSCBH convida as empresas com lucro real a doarem parte dos seus impostos devidos, conforme prevê a Lei de Incentivo à Cultura / Lei Rouanet.

Os interessados podem destinar até 4% do imposto devido, 100% dedutível para este fim.

A última revitalização da fachada da Santa Casa BH foi realizada no segundo semestre de 1993, quando foi promovida uma campanha que convidou a população a votar nas cores que gostariam que dessem vida ao hospital.

Arquitetura

O prédio icônico, de 13 andares (concebido em 1941, pelo arquiteto Raffaello Berti e inaugurado em 1946) foi construído graças à iniciativa e esforços de José Maria Alkimin (provedor da Santa Casa BH de 1938 a 1974), cujo nome abrange todo o complexo hospitalar.

O quarteirão é compreendido entre a Avenida Francisco Sales, Rua Ceará, Rua Álvares Maciel e Rua Piauí.