São Paulo – A B3 confirmou, em comunicado direcionado ao mercado ontem, parceria com o Bradesco para o desenvolvimento de uma plataforma de registro de ativos usando blockchain, como havia antecipado a Coluna do Broadcast.

Como explica a B3, o objetivo é simplificar o processo de registro de Certificados de Depósito Bancário (CDBs); ampliar a eficiência dos processos existentes; proporcionar inovações tecnológicas; e reduzir esforços e custos de observância por parte de participantes e reguladores.

“Essa iniciativa, que foi concebida e desenvolvida dentro do laboratório do Bradesco, o inovaBra Lab, será aberta para a participação de outras instituições financeiras e fintechs”, diz o comunicado.

A plataforma é baseada no conceito Distributed Ledger Technology no âmbito da R3, consórcio de software que reúne grandes instituições financeiras, de vários países, e a plataforma Corda. No Brasil, B3, Bradesco e Itaú são parceiros da R3. (AE)