São Paulo – A Liga Ventures, aceleradora especializada em gerar negócios entre startups e grandes corporações, acaba de anunciar as seis escolhidas para participar do segundo ciclo de aceleração do Liga Emerging Technologies, programa de inovação aberta que busca startups que atuam com tecnologias emergentes. Com a participação de empresas como TIVIT, Cartão ELO e Cateno, o programa contou com três etapas de seleção: triagem dos inscritos, entrevistas e pitches. As startups buscadas atuam nos segmentos de Inteligência Artificial e Machine Learning, Biometria e Identidade Digital, e-Wallets e Meios de Pagamento Inovadores, Interação Geolocalizada e Autenticação de Identidade e documentos.

De acordo com o CEO da Liga Ventures, Rogério Tamassia, um dos grandes objetivos do Liga Emerging Technologies é ajudar a criar um ecossistema focado na compreensão e antecipação da revolução que as tecnologias emergentes estão trazendo para o mercado. “Para as startups, o programa ajuda a dar visibilidade, alavanca o negócio, expande o networking e facilita parcerias com grandes corporações. Já as empresas podem usufruir da agilidade e do dinamismo das startups para dar uso prático a todas essas novas tecnologias e modelos de negócio que estão surgindo”, explica.

Para o diretor de Negócios Digitais da Tivit, Norberto Tomasini, “a parceria com startups é uma forma de acelerar a inovação dentro da própria Tivit. Unir a nossa capacidade de entrega de uma companhia robusta às mais novas, só mostra que estamos preparados para os desafios do futuro”, completa.

Modelo – As startups escolhidas participarão de um programa de quatro meses e receberão mentoria da aceleradora. Além disso, terão contato com profissionais de empresas parceiras e poderão explorar novas sinergias, buscando oportunidades de negócios.

O Liga Emerging Technologies conta com a parceria do Cartão ELO – a bandeira 100% brasileira, que tem cartões em mais de 190 países e territórios -, da Cateno – uma joint venture do Banco do Brasil e da Cielo que atua na gestão de meios de pagamentos -, além da Tivit – multinacional brasileira de soluções digitais com operações em 10 países da América Latina. Conheça as startups que farão parte do Liga Emerging Technologies:

DataH – A startup DataH (http://www.datah.com.br) desenvolve diversos modelos de Inteligência Artificial para empresas. Atua, principalmente, no mercado imobiliário, fornecendo dados para seguradoras, por exemplo. Na área da saúde, criou uma AI para o Hospital do Câncer de Barretos, capaz de ajudar na triagem de câncer de mama.

Cosmos Blockchain – A Cosmos Blockchain (https://cosmos.network/) é uma plataforma para registros de processos em blockchain, que possibilita realização de auditoria em todos os documentos e processos de uma cadeia produtiva.

Swipe – A startup Swipe (https://www.swipetech.io/) fornece as ferramentas para tornar soluções financeiras mais eficientes. Por meio de redes DLT, a solução permite que PMEs e grandes empresas possam realizar transações seguras.

Sentimonitor – A Sentimonitor (https://www.sentimonitor.com/) é uma plataforma de Big Data Analytics para insights estratégicos e comerciais por meio de redes sociais, sites, revistas e jornais, além de análise de riscos e fraudes.

Parcele.me – A Parcele.me (http://www.parcele.me) é uma plataforma que permite criar sistemas de fintechs de forma ágil para grandes empresas. Nossa proposta no programa é a criação de um cartão de crédito que permita o parcelamento de compras no exterior.

GetMore – A GetMore (https://www.getmore.com.br/) é uma tecnologia e soluções em fidelização on-line e off-line para empresas do mercado financeiro, benefícios e varejo. Além disso, a ferramenta compara preços, benefícios e promoções on-line.