Unidade, que demandou investimentos da ordem de R$ 40 mi, produzirá café torrado e moído - Foto: Divulgação

O grupo alemão Melitta, especialista em café, inaugurou, ontem, a sua nova fábrica em Varginha, no Sul de Minas Gerais. A quarta unidade fabril no País tem como principal objetivo suportar o crescimento das marcas do Grupo Melitta – Melitta, Café Barão e Café Bom Jesus – no mercado, reafirmando a estratégia da empresa de expandir cada vez mais sua presença no mercado doméstico.

Com investimentos de mais de R$ 40 milhões e 4.350 m2 de área construída em um parque fabril de 26 mil m2, a nova unidade tem foco na produção de café torrado e moído, contando com mais de 50 colaboradores.

Para Marcelo Del Nero Barbieri, presidente da Melitta para a América do Sul, Minas Gerais é uma região importante para a empresa. “Varginha foi uma escolha estratégica como local da nova fábrica, por estar localizada em uma das maiores regiões cafeeiras do País, possuir mão de obra qualificada e também pela posição geográfica que facilita a distribuição da produção para diversos mercados”, explica.

A aproximação da multinacional alemã dos consumidores mineiros foi iniciada em abril de 2017, com a aquisição da marca Café Barão, uma das líderes no Estado. A nova fábrica de Varginha atenderá à demanda dos consumidores de Minas Gerais e de outros estados. “A partir da unidade de Varginha, que terá capacidade para torrar até 500 mil sacas de café, nossa expectativa é gerar faturamento próximo a R$ 200 milhões nos próximos 4 anos”, conclui Barbieri.

Presente em mais de 100 países, a multinacional alemã Melitta tem, em seu portfólio no Brasil, café Melitta, filtros e acessórios para o preparo de café, além das marcas de café Bom Jesus e Barão. (Com informações da Melitta)