Iniciativa permite ao município disponibilizar os equipamentos agrícolas a preços subsidiados - Crédito: Divulgação

Com o objetivo de aumentar a produtividade e estimular o setor agropecuário da região, a Prefeitura de Uberlândia adquiriu novas máquinas agrícolas em benefício da comunidade. O novo maquinário é composto por três ensiladeiras e dois vagões basculantes, com capacidade de oito m³ cada. A nova estrutura entrou em operação nesta semana e vai ser utilizada pelo programa de silagem do município.

Os equipamentos são disponibilizados a preços subsidiados aos pequenos e médios produtores rurais, por metade do valor de mercado, e processam os grãos de milho ou sorgo, por exemplo. A princípio, 27 produtores irão receber o trabalho das máquinas em 2019 e as inscrições para novos cadastros estão abertas.

“Não há limites de inscrições, e tentamos atender a todos os interessados. É um trabalho com foco na inserção social, voltado aos pequenos produtores que não têm condições de adquirir o maquinário. É uma forma de garantir a qualidade do alimento oferecido aos animais”, explicou Paulo Vinicius Scaldaferri, secretário interino de Agropecuária, Abastecimento e Distritos (SMAAD).

A SMMAD orienta que o cadastro deve ser feito o mais rápido possível para que o cronograma de trabalho seja montado e uma equipe técnica avalie a viabilidade de inclusão do maquinário na área. O objetivo é garantir que cada produtor potencialize ao máximo os resultados da safra.

Balanço 2018 – No decorrer do ano passado, a gestão municipal disponibilizou 1,2 mil horas-máquina, que contribuíram com a produção de mais de 13 mil toneladas de silagem. Através da iniciativa, foi possível alimentar cerca de 2,1 mil vacas, gerando economia a cada produtor de aproximadamente R$ 1,2 mil. Como consequência, estima-se um incremento de 3,5 milhões de litros na produção de leite no município.

Os interessados em receber o benefício devem comparecer ao anexo da SMAAD, no bairro Planalto, em Uberlândia. Após o contato, a secretaria agenda uma visita à área rural. Mais informações podem ser obtidas pelos números (34) 3232-4336 e 3229-2914. (Com informações da PMU).