Aporte no projeto na capital mineira é estimado em aproximadamente R$ 180 milhões - Crédito: Reprodução

O Grupo EPO e a Log Commercial Properties, subsidiária da MRV, planejam construir um complexo industrial e logístico na região do Barreiro. Sob investimentos estimados em aproximadamente R$ 180 milhões e Área Bruta Locável (ABL) de 160 mil metros quadrados, o empreendimento, ainda sem data para sair do papel, deve abrigar quatro condomínios logísticos e um centro comercial no formato power center, com variedade de comércio, incluindo supermercado e lanchonete, e vasta prestação de serviços.

Procuradas pela reportagem, nenhuma das empresas quis comentar o assunto, sob a justificativa de a implementação do projeto ainda depender da aprovação do município. Já a Comissão de Meio Ambiente e Política Urbana da Câmara Municipal de Belo Horizonte (CMBH) realiza hoje (21), audiência pública externa para debater o tema.

O vereador Irlan Melo (PR) informou que o licenciamento do empreendimento vem sendo discutido no Conselho Municipal de Política Urbana (Compur) e que existem várias medidas compensatórias e mitigadoras a serem realizadas pelos investidores. A intenção da audiência, no caso, é avaliar quais destas ações serão realizadas na região e os impactos das mesmas.

“Me interessa, por exemplo, a questão de impacto de mobilidade urbana, ambiental e arquitetônica na implantação deste complexo, bem como as medidas compensatórias a serem realizadas na região. Para isso, é extremamente necessária a oitiva da população para que esta tenha ciência e se manifeste sobre o empreendimento”, completou.

Ainda conforme o vereador, o investimento previsto para além de R$ 180 milhões trará inúmeros benefícios para a Capital, como cerca de R$ 3 milhões de Imposto sobre a Propriedade Predial e Territorial Urbana (IPTU) e R$ 5 milhões de Imposto Sobre Serviços (ISS).

Foram convidados para a audiência representantes da Superintendência de Desenvolvimento da Capital (Sudecap), Companhia Urbanizadora e de Habitação de Belo Horizonte (Urbel), Empresa de Transporte e Trânsito de Belo Horizonte (BHTrans), Coordenadoria de Atendimento da Regional Barreiro, Conselho Municipal de Política Urbana, Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (Dnit) e os responsáveis pela implantação do empreendimento.

Projeto – No site da Log Commercial Properties consta o empreendimento sob o nome de Galpão Logístico Log Sim – Sistema Integrado Multilogístico, que terá, entre outras características, uma área total de 460 mil metros quadrados.

“Elaborado para ser o maior e mais moderno complexo industrial e logístico de Minas Gerais, localizado no Barreiro, conta com 4 condomínios logísticos e 1 centro comercial”, define o endereço eletrônico.

Com área locável de 160 mil metros quadrados; pé-direito de até 12 metros; piso de maior resistência; serviços de jardinagem, limpeza e manutenção em geral; edificações como restaurante, vestiários e portaria; sistema de proteção contra incêndio de alta classificação; iluminação natural; vigilância e portaria blindada 24 horas. Além disso, acesso a três rodovias (BR-381, BR-040 e MG-040), o que, conforme o projeto, permitirá maior eficiência operacional às empresas e menos impacto no trânsito local.