O Hotel Tryp by Wyndham BH Savassi, gerido pela Trul, tem como expectativa 60% de ocupação no primeiro ano e de 70% no ano seguinte - Crédito: Divulgação

Instalado em um dos pontos mais nobres de Belo Horizonte, no bairro Funcionários, na região Centro-Sul, o hotel – um investimento de R$ 40 milhões da Fiemg, inaugurado em 2013 – passa, a partir desse mês, a ostentar a marca Tryp By Wyndham, assumindo o nome Hotel Tryp by Wyndham BH Savassi. O empreendimento agora ganha uma bandeira internacional e promete alavancar os resultados da hotelaria mineira.

De acordo com Luciano Carvalho, sócio-proprietário da Trul Hotéis, gestora do empreendimento na Capital, a expectativa de ocupação para o primeiro ano é de 60% e, para o ano seguinte, 70%.

“Desde 2014, a hotelaria mineira enfrenta dificuldades pelo excesso de oferta. Mas estamos sempre analisando o futuro e Belo Horizonte, apesar da crise econômica que o Brasil ainda vive, está na lista de cidades que mais se recuperam. Nesse semestre já identificamos o movimento de recuperação da ocupação e do valor das diárias médias na cidade. A melhora na economia leva ao aquecimento do turismo de negócios e isso, claro, a melhorar os nossos resultados”, analisa Carvalho.

A empresa – operadora multimarcas mineira – vai promover um retrofit light no Tryp BH Savassi no valor aproximado de R$ 1 milhão, investidos em infraestrutura e decoração no período de dois anos. Além disso, serão gerados em torno de 69 empregos diretos e indiretos. Estão sendo preparadas também uma sala de convenções e uma nova estrutura de lazer, troca de mobiliário e tapetes, nova decoração e design, além de hospedagem em categoria Premium, com outros serviços, como cafeteira Nespresso, Google Chromecast e amenities L’occitane, roupão de luxo, entre outros itens

Segundo o presidente da Federação das Indústrias do Estado de Minas Gerais (Fiemg), Flávio Roscoe, o objetivo é tornar o hotel sustentável e, para isso, a força “comercial” da Fiemg deverá ser o principal alavancador.

“A expertise da Fiemg não é a administração de hotéis e até aqui ele não deu retorno. Por isso buscamos a Wyndham como parceira, com a marca Tryp. São marcas consolidadas no mundo e que atendem ao perfil que representamos. Acreditamos que os eventos da própria Fiemg e a movimentação de pessoas que geramos no dia a dia sejam uma força comercial para o hotel. Os próximos investimentos serão feitos com recursos do próprio caixa da operação”, explica Roscoe.

Ao todo, o Tryp by Wyndham BH Savassi, um hotel da categoria midscale superior, tem 132 suítes executivas completas com 29 m². Além do restaurante comandado pelo chef Danilo Bernardo, o empreendimento também oferece scotch bar e room service 24h, sala de reunião executiva, estacionamento, pacotes especiais de núpcias e programa Pet Frenddly. A diária média é de R$ 240 nesse período de inauguração.

Os próximos hotéis Tryp inaugurados no Brasil serão nas cidades de Recife (PE), Manaus (AM) e São Paulo (SP), somando-se aos 14 já existentes.