Publicidade

1967 - Modernização do parque gráfico

Email
A-   A+
No início da década de 1940, o Diário do Comércio adquiriu o primeiro mimeógrafo elétrico, da marca Gestestner, de fabricação alemã; algum tempo depois, a primeira linotipo, que possibilitava tanto a impressão em mimeógrafo quanto a tipográfica, que era feita nas oficinas da Gráfica Queiroz Brenner. Logo depois, dá-se a compra da impressora “Multilite”, que fazia a impressão folha por folha, usando chapa de alumínio.

Em 1950, o jornal adquiriu uma impressora nova, rotoplana. O processo se tornava mais eficiente e mais rápido, eliminando todo o trabalho de fazer o molde da página montada em chumbo, com um material próprio que parecia uma massa pastosa; a imagem, em relevo, ficava na chamada “telha”, em forma de cilindro, para ser refundida novamente em chumbo com a curvatura devida, adequada para ser colocada na impressora. Essa era a tecnologia então usada em todos os jornais e foi utilizada até quase os anos 70. José Costa realmente se antecipou.

A busca do aperfeiçoamento gráfico e editorial do jornal foi uma constante no pensamento e ação de José Costa, que reinvestia na empresa os recursos financeiros arrecadados: “Trabalhar com recursos próprios garantia são só a independência de minhas ideias, e como também a própria sobrevivência racional e metódica do jornal”, disse ele em outubro de 1982.

Em 1976, o jornal adquire a primeira impressora off-set. Na época, foram apenas duas máquinas compradas por empresas brasileiras: o Diário do Comércio e o Correio Brazilience. Em 1968, a terceira foi adquirida pela Folha de São Paulo.

O pioneirismo, a novidade da máquina e a sua potência assustaram os responsáveis pela imprensa mineira, que a achavam “descabida” no cenário dos jornais belo-horizontinos. Hoje, o off-set é equipamento padrão para a impressão de jornais no mundo inteiro.
› últimas notícias
Falência no Rio rende fôlego ao Porcão da Capital
Agenda Cultural
Confiança da construção recua em fevereiro, aponta FGV
Receita espera receber 28,3 milhões de declarações do Imposto de Renda este ano
Alexandre de Moraes deve receber 7,5 mil processos ao tomar posse no STF
Leia mais notícias ›
› Relacionados
História
1941 - Cidade Industrial
1942 - Vale do Rio Doce
1952 - Cemig
1953 - O Petróleo é nosso - Petrobras
1960 - Muda o nome
1962 - Usiminas
1967 - Modernização do parque gráfico
1976 - Jornal de Casa
1976 - Fiat
1982 - 50 anos
1978 - Minas Exporta
1986 - Açominas
1988 - Nova sede na Avenida Américo Vespúcio
1995 - Morre o fundador
2007 - Prêmio José Costa
› Newsletter
O melhor conteúdo exclusivo e gratuito no seu e-mail:

Cadastrar
› Mais Lidas
Cenibra opera com 100% da capacidade
Uberlândia ocupa segunda posição em ranking de 100 municípios
PIB| Previsão para Minas Gerais é de aumento de 8,15% em 2016
Dívida pública cai 1,9% em janeiro
Arrecadação da Cfem em Minas cai 89%
Leia todas as notícias ›
Publicidade
› DC RH
Salários no Brasil tiveram leve recuperação
Ramacrisna tem solução para micro e pequenas empresas
24% dos brasileiros mudaram de emprego no 2º semestre de 2016
Visão de futuro pode garantir empregabilidade
Empresas ampliam os investimentos na qualificação dos trabalhadores
Leia todas as notícias ›
› Assine o DC

Acesso completo

aos conteúdos online e versão impressa.
Único jornal especializado em Economia, Negócios e Gestão de Minas Gerais.
Ferramenta indispensável para fazer bons negócios.
› Edição Impressa


23 de February de 2017
Conteúdo exclusivo para assinantes
› DC no Facebook
 
© Diário do Comércio. Todos os direitos reservados. Política de Privacidade. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.