Escolha das roupas permanecerá comigo, diz Joyce Rocha - Crédito: Pedro Duarte

Especializada na venda de roupa feminina em Belo Horizonte, a Ypslon vai expandir no Estado por meio de franquias. A marca já tem duas lojas próprias na capital mineira e, agora, pretende replicar o modelo na Região Metropolitana de Belo Horizonte (RMBH) e no interior do Estado. A criadora da Ypslon, Joyce Rocha, explica que o formato da franquia ainda está em construção, mas ela garantiu um modelo inovador e menos engessado. A expectativa da empresária é abrir pelo menos três unidades ainda este ano.

Joyce Rocha explica que o modelo de negócios da marca não permite que ela abra um grande número de unidades próprias. Isso porque, além de gestora, ela é a responsável pela escolha de cada uma das peças que são vendidas nas lojas. As roupas são compradas no Brás, em São Paulo, e revendidas a custo baixo.

“Não trabalhamos com muito estoque e, por isso, faço compras diárias. Com esse formato seria difícil chegar rápido a muitos lugares. A saída que encontrei foi criar um modelo diferenciado de franquia, de maneira que a marca consiga expandir, mas sem aquele modelo engessado e cheio de burocracia. No nosso formato as lojas podem ser adaptadas à demanda de cada cidade e público”, explica.

Segundo a empresária, a função de escolha das roupas permanecerá com ela. A ideia é que todas as lojas da Ypslon vendam as mesmas peças em qualquer cidade. Além disso, a estratégia de comunicação nas redes sociais – que é um dos diferenciais da marca – também será desenvolvida conjuntamente. Joyce Rocha afirma que já divulgou a seleção de franqueados e recebeu centenas de respostas de interessados.

“Em dois dias, recebi mais de 500 respostas de pessoas interessadas. Há candidatos de diversas cidades no Estado, mas meu objetivo é começar por municípios que estejam em um raio de até 300 Km de Belo Horizonte. Já tenho 15 entrevistas com potenciais franqueados marcadas e espero encerrar o ano com pelo menos três franquias abertas”, afirma.

Entre as cidades que podem receber uma franquia da Ypslon estão Ribeirão das Neves, Santa Luzia e Lagoa Santa, na RMBH.

A empresária afirma que não é possível fechar um valor do investimento inicial, pois ele dependerá do ponto e do tamanho da loja. Segundo ela, o valor da taxa de franquia é R$ 50 mil e a marca fica com 7% de royalties. A empresária explica que o faturamento por franquia também vai depender da estrutura da unidade, mas ela acredita que o retorno médio do investimento inicial acontece em até seis meses.