O DIÁRIO DO COMÉRCIO parabeniza sua equipe pelo empenho e dedicação para levar informação de qualidade diariamente para os leitores, contribuindo para o desenvolvimento de nossa sociedade - Crédito: Divulgação

Artesanato mineiro no Rio

Depois de cinco anos ausente da Sala do Artista Popular (SAP), do Centro Nacional de Folclore e Cultural Popular do Instituto de Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (CNFCP/Iphan), Minas Gerais volta a levar mestres artesãos para um dos espaços mais representativos da cultura do Brasil. A mostra “Arte do barro, arte na vida – Caraí, MG”, será aberta no Rio de Janeiro nesta quinta-feira (17/10) e segue até 24/11.  A iniciativa do Estado, por meio do Instituto de Desenvolvimento do Norte e Nordeste de Minas Gerais (Idene) e da Secretaria de Desenvolvimento Econômico (Sede), reúne peças de autoria de familiares de dois reconhecidos ceramistas de Caraí, na região do Jequitinhonha: Noemisa Batista Santos (1947) e Ulisses Pereira Chaves (1924-2006). Nos trabalhos, são transmitidos saberes e ofícios deixados como legado por esses mestres da arte popular, que fizeram história com o barro.

Diversão em Cena

No dia 20 de outubro, às 16h, o cantor e compositor Hélio Ziskind retorna à Capital com o Zis Show. Trilhas para desenhos como Cocoricó, Castelo Rá Tim Bum, Glub-Glub, Rá-Tim-Bum e X-Tudo, da TV Cultura, além de tantos outros clássicos, fazem parte da lista de hits infantis do músico. O espetáculo será realizado na programação do Diversão em Cena ArcelorMittal, em parceria com o Música para Crianças, no Centro Cultural Minas Tênis Clube (Rua da Bahia, 2244, Lourdes). Os ingressos custam R$ 20

Sempre Um Papo

O Sempre Um Papo recebe a jornalista e a premiada tradutora Rosa Freire D`Aguiar  para o debate e o lançamento de “Diários Intermitentes de Celso Furtado” (Cia das Letras). Trata-se de uma edição ilustrada por fotos, documentos e outros registros inéditos dos diários do acervo do economista Celso Furtado, autor de Formação econômica do Brasil e um dos grandes intérpretes de nossa história. Participam do evento o prof. João Antônio de Paula, prefaciador do livro e o professor Angelo Oswaldo, ambos grandes conhecedores da cultura em Minas Gerais. O evento será no dia 22 de outubro às 19h30, na sala Juvenal Dias do Palácio das Artes, com entrada gratuita.

Construção voluntária

Cerca de 150 voluntários se juntam à organização social TETO, neste final de semana (19 e 20/10), para construir casas emergenciais, na comunidade Terra Nossa, no bairro Taquaril, região Leste de Belo Horizonte. Em dois dias, serão construídas sete casas, sendo três delas parte do projeto “Casa de Família” – quando um grupo de amigos ou famílias se comprometem pela arrecadação do valor total da construção de uma moradia e participam ativamente de todo o processo construtivo – e  outras quatro casas serão construídas por meio de voluntariado corporativo – quando empresas financiam o valor da casa e levam parte dos funcionários para ajudar na construção, que é feita com a participação das famílias. As empresas Gerdau, WeWork e Indec (instituto do BDMG) participam desta edição junto com seus funcionários.