COTAÇÃO DE 07/12/2021

DÓLAR COMERCIAL

COMPRA: R$5,6180

VENDA: R$5,6180

DÓLAR TURISMO

COMPRA: R$5,6500

VENDA: R$5,7830

EURO

COMPRA: R$6,3427

VENDA: R$6,3451

OURO NY

U$1.784,35

OURO BM&F (g)

R$323,23 (g)

BOVESPA

+0,65

POUPANÇA

0,5154%

OFERECIMENTO

INFORMAÇÕES DO DOLAR

DC Mais

Semana Tiradentes

Seguindo com sua programação on-line, em virtude do isolamento social para conter a disseminação do Covid-19, com a tag #SemanaTiradentesMMGV o Memorial Minas Gerais Vale vai relembrar até este domingo (26), em seu perfil no Instagram e também no facebook, a história de Tiradentes, ativista político, líder da Inconfidência Mineira. Serão postadas representações gráficas inusitadas, como charges e caricaturas da figura do mártir, junto com texto reflexivo sobre a imagem e diferentes interpretações de como o personagem é reconhecido.

Pelo link da visita virtual ao Memorial Vale, é possível também conhecer a Sala Panteão, que traz a história da Inconfidência Mineira, narrada pelos principais personagens desse acontecimento histórico.

Inconfidência Mineira

PUBLICIDADE

A Inconfidência Mineira é destaque em dois equipamentos culturais no Circuito Liberdade, o Arquivo Público Mineiro (APM) e a Biblioteca Pública Estadual de Minas Gerais. No primeiro espaço, que guarda registros antigos sobre a formação do Estado, o visitante – ou pesquisador – tem acesso a milhares de documentos do Poder Executivo estadual e aos documentos privados de interesse público.

Nesse acervo arquivístico existe uma coleção dedicada à Inconfidência Mineira, com registros datados de 1742 a 1967. No Sistema Integrado de Acesso (SIAAPM), estão disponíveis, on-line, documentos originais referentes à administração da capitania, com registros dos inconfidentes antes mesmo de serem reconhecidos dessa forma. Um deles é o diário de despesas de Tiradentes, que pode ser acessado aqui, e descreve, entre outros itens, a quantia de 72 mil réis, valor que o alferes recebeu entre 1781 e 1872 do império português.

“Enfeitando paredes”

O Memorial Vale oferece uma diversidade de opções em seus canais on-line, dentro do #MemorialValeEmCasa. São vídeos exclusivos ou que ganharam curadoria especial para este período. Todas as atividades ficam disponíveis para acesso mesmo depois de lançadas na web. Neste domingo (26), às 10 horas, será exibida a oficina “Enfeitando paredes”, com Julia Mendes. Quadros, bandeiras e bandôs são amplamente utilizados na decoração para enfeitar as paredes das casas.

Nessa oficina, crianças e adultos serão convidados a explorar materiais de suas casas que possam virar esses adornos. No vídeo serão mostradas duas possibilidades: produção de bandô ou bandeira com roupa velha, no qual com uma camisa, palitos de churrasco, tinta, linhas e miçangas será feito um enfeite que carrega cores e símbolos. A segunda produção será de um quadro utilizando uma tampa de panela.

“Comidas do Brasil”

Um dos principais objetivos do ‘Fartura – Comidas do Brasil” é compartilhar o vasto conhecimento sobre a gastronomia brasileira. Enquanto o público é aconselhado a ficar em casa, será possível saber mais sobre esse universo em bate-papos ao vivo nas redes sociais por meio do projeto “Chefs ao vivo na sua casa”. Com a temática “vida, cozinha e quarentena”, a curadora gastronômica Luiza Fecarotta conversa com diversos profissionais da gastronomia, que compartilham suas experiências, carreira e como tem sido esse período de confinamento.

Para participar, basta acompanhar no Instagram do projeto às 18h do dia marcado. Considerado um dos 50 melhores restaurantes do País, o Mahalo Cozinha Criativa chama a atenção de brasileiros e estrangeiros com sua comida contemporânea. A chef Ariani Malouf, responsável pela casa, vai compartilhar um pouco dos segredos do seu sucesso e como é sua rotina na próxima terça-feiral, encerrando a programação do mês.

“Seresta da Quarentena”

Os profissionais de modo geral e, especificamente, os profissionais da saúde que estão enfrentando a pandemia do novo coronavírus (Covid 19) precisam de conforto emocional para conseguir vencer o medo, as angústias e o estresse da rotina de trabalho. Pensando nisso, foi elaborada a iniciativa “Seresta da Quarentena”, que promove apresentações musicais on-line aos trabalhadores do Hospital das Clínicas e do Campus da UFMG.

A proposta faz parte das ações do projeto de extensão Cia. Ananda Arte e Diferença, da Escola de Belas Artes da UFMG, em parceria com o programa de extensão Laboratório de Gestão de Pessoas (Lagepe) da EE-UFMG, e a Comissão Permanente de Saúde Mental da Universidade.

Ao comentar você concorda com os Termos de Uso. Os comentários não representam a opinião do portal Diário do Comércio. A responsabilidade sob qualquer informação divulgada é do autor da mensagem.

COMPARTILHE

NEWSLETTER

Fique por dentro de tudo que acontece no cenário economico do Estado

OUTROS CONTEÚDOS

PRODUZIDO EM

MINAS GERAIS

COMPARTILHE

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram

Comunicar erro

Identificou algo e gostaria de compartilhar com a nossa equipe?
Utilize o formulário abaixo!