Crédito: Bruna Brandão

A Academia Virtual Filarmônica, que, desde junho, vem realizando amplo trabalho educacional com músicos e instituições de várias partes do Brasil, realiza o Festival Acadêmico Filarmônica, uma iniciativa que promoverá duas semanas de intensas atividades para a comunidade musical brasileira e público em geral, a partir desta segunda-feira (21) a 3 de outubro. Serão mais de cem musicistas envolvidos, em, aproximadamente, 80 atividades, realizadas pelos músicos da Filarmônica de Minas Gerais e convidados.

Além das masterclasseslives e mesas-redondas, três concertos serão transmitidos ao vivo direto da Sala Minas Gerais, executados pelos músicos da Filarmônica de Minas Gerais. As inscrições podem ser feitas até domingo (20), pelo site da Filarmônica de Minas Gerais (http://fil.mg/festival)

A Academia Virtual Filarmônica é uma iniciativa que surgiu durante a pandemia para atender aos estudantes de música que estavam com as atividades suspensas em suas escolas e universidades.

“Observando os resultados que esse modelo tem rendido, decidimos realizar um festival aberto para ampliar o alcance dessas informações a todo o País. O Festival Acadêmico terá um viés profissionalizante, oferecendo uma gama de mesas-redondas diárias com intuito de mostrar aos alunos as possibilidades profissionais no campo da música. Esperamos que o Festival Acadêmico aponte uma perspectiva de futuro promissor aos alunos, demonstrando que, juntos, podemos ir além, principalmente em tempos adversos como estes”, avalia o percussionista principal da Filarmônica de Minas Gerais, Rafael Alberto, um dos músicos organizadores do Festival.

Entre os destaques do festival estão o maestro Fabio Mechetti, diretor artístico e regente titular da Filarmônica de Minas Gerais; os spallas Emmanuele Baldini, Pablo de León e Rommel Fernandes, os jovens regentes José Soares e Willian Coelho; o violoncelista, maestro e compositor Jaques Morelenbaum; o pianista Cristian Budu; o compositor e pianista André Mehmari; o pianista e diretor do projeto Neojiba (BA), Ricardo Castro; a violista e diretora do Festival Ilumina, Jennifer Stumm; o oboísta e maestro Alex Klein; o músico e crítico musical Sidney Molina.

Toda a programação do Festival Acadêmico Filarmônica está no site: http://fil.mg/festival. Para os interessados em ser apenas ouvintes, as inscrições seguem até o dia 2 de outubro. As atividades abertas, que não precisam de inscrição, como concertos e mesas-redondas, serão transmitidas pelo canal da Filarmônica no YouTube: http://fil.mg/youtube

Formação – Na Academia Virtual Filarmônica, a Orquestra Filarmônica de Minas Gerais tem como parceiro o Projeto Vale Música, uma importante iniciativa da Vale que amplia e fortalece a formação de crianças, adolescentes e jovens para a música de concerto no Brasil. Toda a programação educacional da orquestra tem o apoio do programa Amigos da Filarmônica.

Enquanto ação educacional, neste período de distanciamento social, foi criada a Academia Virtual da Filarmônica de Minas Gerais. Músicos da Filarmônica de Minas Gerais têm oferecido aulas gratuitas para alunos de instituições públicas de ensino musical e de grupos musicais. O projeto Academia Virtual atende 296 alunos de 14 instituições em aulas individuais, aulas coletivas e masterclasses, todas realizadas em meio digital por musicistas da orquestra.

“Dentre as ações mais bem-sucedidas que vimos fazendo em meio digital, neste forçado hiato de nossas atividades presenciais, destaca-se a Academia Virtual, idealizada para transmitir a experiência e ensinamentos de nossos músicos a jovens instrumentistas de Minas Gerais e de algumas outras partes do Brasil. Essa demanda, tornada tão evidente pela maneira como jovens músicos têm recebido a proposta, nos possibilitará estender nossa atuação na área educacional, a fim de maximizar a capacitação que os membros da Filarmônica oferecem a grupos de jovens músicos tão necessitados de uma instrução de qualidade”, explica o maestro Fabio Mechetti.