COTAÇÃO DE 17/05/2022

DÓLAR COMERCIAL

COMPRA: R$4,9420

VENDA: R$4,9430

DÓLAR TURISMO

COMPRA: R$5,0400

VENDA: R$5,1520

EURO

COMPRA: R$5,2307

VENDA: R$5,2334

OURO NY

U$1.814,77

OURO BM&F (g)

R$290,29 (g)

BOVESPA

+0,51

POUPANÇA

0,7025%

OFERECIMENTO

DC Mais

Teatro Feluma recebe peças a preço popular

COMPARTILHE

Crédito: Divulgação
Crédito: Divulgação

Após dois anos sem acontecer em virtude da pandemia, a Campanha de Popularização do Teatro & Dança chega a sua 47ª edição e retorna aos palcos de Belo Horizonte até o dia 27 de fevereiro. A programação irá ocupar os teatros da cidade com mais de 80 espetáculos adulto, infantil e dança, sendo 25 inéditos na campanha. Os ingressos custam R$ 20,00 vendidos nos postos do Sinparc e on-line (www.vaaoteatromg.com.br).

O Teatro Feluma (alameda Ezequiel Dias, 275, 7° andar, Centro), mais novo espaço cultural em Belo Horizonte, irá receber parte dos espetáculos participantes da campanha e considera a retomada do evento um marco para os produtores e artistas locais. “A Campanha de Popularização do Teatro & Dança é um acontecimento muito esperado no calendário da cidade, tanto pela classe artística, quanto pelo público, por tamanha função que representa: apoiar, fomentar e democratizar o teatro mineiro. Minas Gerais é um celeiro de grandes artistas e produções, e essa reocupação do teatro pela campanha é muito esperada por todos nós. E como se fosse um respiro para o setor teatral”, afirma o dramaturgo, diretor e curador do Teatro Feluma, Jair Raso .

PUBLICIDADE




Ana Gusmão, atriz e coordenadora do Teatro Feluma, relembra que o espaço recebeu a 46ª Campanha de Popularização do Teatro & Dança, em 2020, logo após a sua inauguração e pouco antes da pandemia. “A campanha foi, praticamente, o primeiro grande acontecimento artístico-cultural no Teatro Feluma, pois inauguramos o espaço em dezembro de 2019 e recebemos o evento já em janeiro de 2020. E foi um sucesso enorme, com espetáculos do início ao fim da campanha. Agora imagine um teatro, recém-inaugurado, que fecha as suas portas para o público e precisa se reinventar no formato virtual? Um desafio imenso, afinal estávamos começando. Mas seguimos firmes e aqui estamos novamente com as portas abertas, agenda tomada por espetáculos participantes da campanha, após dois anos tão difíceis para a classe artística”, ressalta Ana Gusmão. 

Cinco espetáculos estarão em cartaz no Teatro Feluma: “Capitão Fracasso” (foto), texto e direção de Luiz Paixão (dias 22, 23, 29 e 30 de janeiro), “Atendendo a Pedidos”, direção e dramaturgia de Lenine Martins e Robson Vieira, e atuação de Robson Vieira (dias 24, 25, 26 e 31 de janeiro e 2 e 3 de fevereiro), “Maio, Antes que Você me Esqueça”, texto e direção de Jair Raso, atuações de Ilvio Amaral e Maurício Canguçu (dias 4, 5, 6, 11, 12, 13, 18, 19 e 20 de fevereiro), “Defunto Bom é Defunto Morto”, texto de Jair Raso e Ricardo Batista, e direção e atuação de Ricardo Batista (dias 8, 9, 10, 14 e 15 de fevereiro), e “A Porta e o Vestido”, direção de Carluty Ferreira, dramaturgia e atuação de Fernando Fabrini (dias 16, 17, 21, 22, 23 e 24 de fevereiro).

“Estamos trazendo espetáculos adultos, que passam pelas diversas linguagens do teatro. Um deles é o drama Capitão Fracasso, com texto e direção de Luiz Paixão, montagem inspirada no romance Le Capitain Fracasse, de Théophile Gautier, que já participou de diversos festivais internacionais de teatro online; a comédia Defunto bom é defunto morto, com o Ricardo Batista, indicado ao prêmio Usiminas Sinparc de melhor ator de comédia de 2018, em remontagem repaginada, com novidades na estrutura cênica; Maio, Antes que Você me Esqueça, com Ilvio Amaral e Maurício Canguçu, que fez uma brilhante temporada em Belo Horizonte no ano passado e agora poderá ser vista dentro da campanha; e outros espetáculos, também todos brilhantes. As produções locais são de uma qualidade imensurável. Minas é berço de grandes artistas e se pudéssemos todos estariam dentro do nosso teatro, que foi inaugurando justamente com o objetivo de fomento e apoio às artes cênicas mineiras”, conta o curador do Teatro Feluma, Jair Raso.

Renascimento – O lançamento da programação da 47ª Campanha de Popularização do Teatro & Dança ocorreu no último dia 11, no Teatro Feluma. Para Dilson Mayron, coordenador do Sinparc, a campanha simboliza o renascimento do teatro. “As pessoas estão desejando ir ao teatro e a campanha retorna após dois anos reabrindo as portas de vários espaços da cidade. Neste momento, não estamos preocupados com o número de público. O nosso desejo é que as pessoas voltem a ir ao teatro, com segurança”, diz.

PUBLICIDADE




O Teatro Feluma segue rigorosamente com todos os protocolos de segurança para a prevenção da Covid-19. O uso de máscara é obrigatório e o fluxo de pessoas na entrada e saída é controlado pela equipe de produção do Teatro para evitar aglomerações no foyer e elevadores.

Ao comentar você concorda com os Termos de Uso. Os comentários não representam a opinião do portal Diário do Comércio. A responsabilidade sob qualquer informação divulgada é do autor da mensagem.

COMPARTILHE

NEWSLETTER

Fique por dentro de tudo que acontece no cenário economico do Estado

OUTROS CONTEÚDOS

PRODUZIDO EM

MINAS GERAIS

COMPARTILHE

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram

Comunicar erro

Identificou algo e gostaria de compartilhar com a nossa equipe?
Utilize o formulário abaixo!