COTAÇÃO DE 24/05/2022

DÓLAR COMERCIAL

COMPRA: R$4,8120

VENDA: R$4,8120

DÓLAR TURISMO

COMPRA: R$4,8900

VENDA: R$4,9960

EURO

COMPRA: R$5,1664

VENDA: R$5,1690

OURO NY

U$1.866,41

OURO BM&F (g)

R$289,06 (g)

BOVESPA

+0,21

POUPANÇA

0,6667%

OFERECIMENTO

Direto da Redação

Ambev é a empresa brasileira que mais faz negócios com startups, aponta estudo

COMPARTILHE

Crédito: Divulgação

A Ambev foi reconhecida como a empresa que mais praticou inovação aberta com startups no país em 2020. A informação foi divulgada pela 100 Open Startups, plataforma pioneira e líder em open innovation na América Latina.

Além da Ambev, o TOP 5 do Ranking Top 100 Open Corps 2021 conta com empresas de diversos setores – ArcelorMittal, BMG, BASF e Nestlé.

PUBLICIDADE




A inovação aberta tem sido um assunto cada vez mais debatido por organizações que visam novos planos de negócios.

O tradicional tem se tornado obsoleto perto das inúmeras possibilidades e novas soluções que chegam para agregar ao ecossistema, e a open innovation tem exercido o papel fundamental de conectar as instituições já consolidadas à inovação ágil proporcionada pelas startups.

“A Ambev vem passando por um verdadeiro processo de transformação de negócio e de cultura. Cada vez mais, vemos na tecnologia uma fortaleza para solidificar nosso mercado. Nosso ecossistema de startups foi, e continua sendo, fundamental para que a gente traga inovação para todo o nosso negócio”, comenta o CTO da Ambev, Eduardo Horai.

“Estamos muito orgulhosos pelo reconhecimento, e não poderíamos deixar de estender os parabéns para todos os parceiros que, assim como nós, seguem com a missão de trazer soluções cada vez mais personalizadas para nosso ecossistema”, finaliza.

PUBLICIDADE




Segundo levantamento realizado pela plataforma, o número de open startups aumentou de 13.092, em 2020, para 18.355, em 2021, assim como também houve crescimento no número de organizações que buscam essas pequenas empresas – de 2.825 para 4.982. Já o número de relacionamentos declarados passou de 13.433, em 2020, para 26.348, em 2021, um aumento de 96%.

Os dados do ranking mostram também que cerca de 80% dos acordos de open innovation registrados no último ano implicam em transferência de recursos da empresa maior à startup, e o valor médio desses contratos cresceu de R$140 mil, em 2020, para R$270 mil, em 2021. Já o valor total de contratos de open innovation entre corporações e startups em estágio inicial no período foi de R$2,2 bilhões.

Além do reconhecimento principal, a Ambev também foi destaque na categoria Bens de Consumo e Alimentação. Junto com as demais empresas ranqueadas, somaram mais de 1.325 relacionamentos de negócios com 566 startups, um crescimento de 115% em relação a 2020.

O tipo de contrato mais comum foi a contratação de serviços ou produtos das startups, seguido pelo matchmaking e conexão com as startups.

“O movimento de Open Innovation com Startups foi iniciado pela abertura das grandes empresas. Entretanto, vimos, nos últimos anos, a adesão de empresas de menor porte, de todas as cadeias de valor, que também passaram a buscar inovação junto a startups. Isso torna o jogo muito mais acessível e democratizado”, destaca o CEO da 100 Open Startups, Bruno Rondani.

“Por outro lado, a adesão de mais empresas em busca de startups faz com que o mercado fique, também, muito mais competitivo e crie muito mais oportunidades. Surgem mais startups, mais programas de open innovation e mais inovação”, completa.

O Ranking Top 100 Open Corps 2021 faz parte do Ranking 100 Open Startups, que acontece desde 2016 e chega à sua 6ª edição. Neste ano, devido ao grande número de empresas concorrendo à premiação, também serão reconhecidas as TOP 5, em 25 categorias de mercado. As startups mais atraentes para o mercado corporativo serão anunciadas em outubro.

Ao comentar você concorda com os Termos de Uso. Os comentários não representam a opinião do portal Diário do Comércio. A responsabilidade sob qualquer informação divulgada é do autor da mensagem.

COMPARTILHE

NEWSLETTER

Fique por dentro de tudo que acontece no cenário economico do Estado

OUTROS CONTEÚDOS

Comunicar erro

Identificou algo e gostaria de compartilhar com a nossa equipe?
Utilize o formulário abaixo!