COTAÇÃO DE 29/11/2021

DÓLAR COMERCIAL

COMPRA: R$5,6090

VENDA: R$5,6100

DÓLAR TURISMO

COMPRA: R$5,6470

VENDA: R$5,7730

EURO

COMPRA: R$6,3216

VENDA: R$6,3229

OURO NY

U$1.783,43

OURO BM&F (g)

R$322,48 (g)

BOVESPA

+0,58

POUPANÇA

0,4412%

OFERECIMENTO

INFORMAÇÕES DO DOLAR

Especial: Meio Ambiente

Setor busca soluções para o tratamento de rejeitos

COMPARTILHE

Evento realizado pelo Ibram em Belo Horizonte terá a apresentação de soluções para tratamento e aproveitamento de rejeitos - Crédito: Bruno Magalhaes / Nitro

Uma das premissas do novo presidente do Conselho Diretor do Instituto Brasileiro de Mineração (Ibram), Wilson Brumer, diz respeito à aproximação cada vez maior do setor nacional com entidades e empresas de outros países. O objetivo, conforme ele, é buscar, cada vez mais, o aprimoramento das práticas e a troca de experiências em prol de uma melhor mineração.

“O Ibram já fazia um trabalho do tipo e nosso objetivo é intensificá-lo, de maneira a aperfeiçoar a gestão dos empreendimentos minerais e contribuir para que a mineração brasileira continue a ser uma das mais competitivas do mundo”, afirmou.

PUBLICIDADE

Neste sentido, o instituto inseriu o Brasil em um movimento global de cooperação, voltado a promover mudanças no setor e está trabalhando em conjunto com outras entidades internacionais, como o Conselho Internacional de Mineração e Metais (ICMM), a Associação de Mineração do Canadá (MAC) e a Comissão Internacional de Grandes Barragens (Icold). A intenção é implantar no Brasil os melhores processos de gestão, articulando ações com autoridades brasileiras federais, estaduais e municipais.

“Trocar experiências e conhecimento com especialistas e organizações internacionais é essencial para desenvolvermos modelos de gestão e de operação de empreendimentos minerários, que permitam uma nova e marcante evolução da indústria da mineração no Brasil e no mundo”, disse.

Evento – A primeira ação, neste sentido, acontece hoje e amanhã, no evento que vai apresentar às mineradoras novas soluções para gestão e aproveitamento dos rejeitos minerais. Intitulado “Fornecedores de Tecnologias para gestão e manejo de rejeitos de mineração”, o encontro vai reunir empresas brasileiras e companhias com atuação internacional para apresentar às mineradoras novas soluções desenvolvidas para melhorar a gestão e o manejo dos subprodutos do beneficiamento mineral ou rejeitos minerais.

Segundo o Ibram, este evento tem o propósito de aproximar fornecedores e mineradoras que investem constantemente na gestão dos subprodutos da atividade. Além disso, será um momento importante para disseminar conhecimento em torno das novas tecnologias, serviços e produtos desenvolvidos no Brasil e em outros países.

O evento é fruto de uma chamada pública que o Instituto lançou em 15 de abril, quando 73 empresas enviaram propostas técnicas. Destas, 38 foram selecionadas. A aproximação entre fornecedores e mineradoras é uma iniciativa do Ibram, em parceria com Conselho Regional de Engenharia e Agronomia de Minas Gerais (Crea-Minas) e com apoio do Ministério de Minas e Energia.

Ao comentar você concorda com os Termos de Uso. Os comentários não representam a opinião do portal Diário do Comércio. A responsabilidade sob qualquer informação divulgada é do autor da mensagem.

COMPARTILHE

NEWSLETTER

Fique por dentro de tudo que acontece no cenário economico do Estado

OUTROS CONTEÚDOS

PRODUZIDO EM

MINAS GERAIS

COMPARTILHE

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram

Comunicar erro

Identificou algo e gostaria de compartilhar com a nossa equipe?
Utilize o formulário abaixo!