BusqueBus já opera com 90% das grandes empresas de ônibus
Usuário não precisar baixar nenhum app para utilizar o BusqueBus - Crédito: Divulgação

Primeira empresa mineira do segmento, a BusqueBus surgiu no mercado no início deste ano. Oferecendo serviço de vendas de passagens rodoviárias on-line, o site já estreou com 90% das grandes empresas ingressas no sistema, oferecendo mais de mil destinos diferentes para todo o País.

Para as companhias de transporte, a plataforma funciona como mais um agente propagador dos negócios e das vendas de bilhetes.

As informações são do sócio-fundador da BusqueBus, Marcílio Alves. Segundo ele, com pouco mais de um mês de atividades, a empresa já tem registrado bons resultados. A meta para o primeiro ano de operação é oferecer passagens de todas as empresas de transporte rodoviário do Brasil cadastradas na Agência Nacional de Transportes Terrestre (ANTT) e Departamento de Estradas de Rodagem (DER).

“A BusqueBus nasceu justamente de uma lacuna existente no segmento. Em um mundo cada vez mais conectado e em que as pessoas buscam agilidade e praticidade, ainda havia espaço para a oferta de passagens de ônibus na internet, como já é tão disseminado na aviação. Foi então que, com a experiência e know how que eu e meu sócio temos no setor, resolvemos entrar como mais um player para suprir esta demanda”, explicou.

Como principais diferenciais do serviço, Alves cita a conexão com um grande hub de empresas de ônibus de passageiros, a oferta de diferentes companhias para um mesmo trecho, a possibilidade de usuário comparar preços, serviços ou tipo de ônibus e ainda dividir a compra em até 10 vezes no cartão de crédito.

Já para as companhias, o atrativo está no fato de a plataforma servir como mais um agente propagador dos negócios e das vendas de bilhetes. “Oferecemos também nosso alcance e nossa expertise em marketing, sem contar que entregamos ao passageiro a comodidade e a facilidade da compra on-line que nem sempre algumas empresas têm”, completou.

Outro diferencial apontado pelo empresário é o fato de o usuário não precisar baixar nenhum aplicativo para utilizar o BusqueBus. Segundo ele, acessando o site por meio de um computador, tablet ou smartphone, o consumidor consegue fazer a compra com apenas três clipes. “É só clicar em pesquisar, selecionar e comprar”, disse.

Depois de aprovada a compra, basta se dirigir ao terminal rodoviário e, em alguns casos, apenas embarcar, já que a passagem comprada pelo site é computada automaticamente e bloqueada no sistema da companhia escolhida para que não haja duplicidade e algumas empresas já aceitam o bilhete digital.

Entre as companhias cadastradas estão Brisa, Cisne Branco, 1001, Expresso do Sul, Itapemirim, Gardenia, Cruzeiro do Sul, Saritur, Útil e Xavante, entre outras. A pessoa tem a opção de pagar nos cartões de crédito e débito das principais bandeiras e tem a compra assegurada pelo sistema RapidSSL.

A interface permite que os usuários pesquisem as passagens por data, hora, preços, companhias, tempo de duração das viagens e escolher os assentos que desejam, assim como funciona na aviação. O site também traz os destinos mais procurados, as principais dúvidas e uma área de atendimento via chat.