Crédito: Divulgação

Os bloquinhos de Carnaval tem tomado conta das ruas. Só em Belo Horizonte a prefeitura espera crescimento de 20% da folia em comparação com o ano passado, que reuniu cerca de 3,8 milhões de pessoas e foi o maior da história – número 25% maior em relação ao ano de 2017.

Quem não abre mão de levar o celular para os blocos assume o risco de ter o aparelho levado e para auxiliar os foliões, a Pier,  empresa de tecnologia que oferece proteção diferente da convencional para o mercado de seguros, oferece um modelo de seguro digital e flexível para os consumidores.

Os interessados podem contratar o serviço online e por períodos específicos, podendo  cancelar quando quiser e sem ter que arcar com qualquer tipo de multa ou franquia. Além disso,  é possível escolher o tipo de cobertura – que vai de 80% a 100% do valor do aparelho usado.

“Resolvemos criar uma solução descomplicada, que pudesse ser contratada de acordo com a necessidade do cliente e que cobrisse furto simples, já que o mercado não costuma fazer isso. Além disso, desde o início focamos em honestidade”, explica o co-fundador da Pier, Lucas Prado.

Se comparado com os seguros tradicionais, o processo é menos burocrático, pois é possível contratar ou cancelar o serviço pelo próprio aplicativo; não há carência; a empresa aceita aparelhos usados e sem nota fiscal; e o reembolso costuma acontecer rapidamente.

Caso o contratante seja roubado ou furtado, o processo de recebimento é simples: basta apresentar o boletim de ocorrência, bloquear o IMEI do celular na Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) e ter o aplicativo da Pier baixado no aparelho.

“Temos uma relação transparente com nossos membros e explicamos exatamente o que cobrimos e como funciona”, afirma o empreendedor.

A plataforma funciona como uma comunidade, onde só entra quem é convidado. Uma vez aprovado, o segurado paga mensalidades a partir de R$6,50 pelo seguro. Outro diferencial é a rapidez no tempo de reembolso, que costuma ser seis vezes menor que o limite estabelecido pela Superintendência de Seguros Privados (Susep).

“Cerca de 80% dos reembolsos são pagos em até 3 dias e já chegamos a reembolsar em três minutos!”, explica Lucas.

Carnaval 2020 –  Para levar mais leveza à vida dos foliões belo horizontinos, a Pier vai promover uma série de ações na cidade, que também foi escolhida pela startup para o lançamento do seguro de automóvel, que deve acontecer em breve.

Entre as ações estão o patrocínio de um dos blocos mais tradicionais de BH, o Bloco Quando Come se Lambuza. A Pier também patrocina a Festa Sensualiza com Rosa Neon, que acontece em 14 de fevereiro e promove um evento com convidado surpresa no dia 20 de fevereiro. Os dois eventos acontecem no espaço GoFree do Giro, no bairro da Lagoinha.

“Queremos que membros e pessoas interessadas em conhecer melhor a Pier em BH possam aproveitar uma série de experiências que vamos apoiar neste Carnaval. Proporcionar segurança e leveza para a vida das pessoas é algo muito importante para a gente”, conta Lucas.