Cinema Falado

O projeto Cinema Falado, que traz mensalmente filmes brasileiros para serem exibidos e comentados por especialistas em cinema no MIS Cine Santa Tereza terá sua primeira edição do ano com o longa “A Marvada Carne”, dirigido por André Klotzel, na próxima terça-feira, às 19 horas, na sala Geraldo Veloso. O cineasta Paulo Augusto Gomes comentará o filme. A promoção é do Centro de Estudos Cinematográficos e do Instituto Humberto Mauro. O projeto conta a partir de 2020 com recursos da Lei Municipal de Incentivo à Cultura. A entrada é gratuita. O endereço é Praça Duque de Caxias, bairro Santa Tereza. Cinema Falado é um projeto do Centro de Estudos Cinematográficos de Minas Gerais (CEC-MG) e do Instituto Humberto Mauro, em memória do crítico e cineasta Geraldo Veloso, com o apoio do Museu da Imagem e do Som (MIS).

Virada Cultural

A Prefeitura de Belo Horizonte, por meio da Secretaria Municipal de Cultura e da Fundação Municipal de Cultura, publicou edital para a seleção da Organização da Sociedade Civil (OSC) que irá atuar como parceira na realização da 6ª edição da Virada Cultural de Belo Horizonte, em 2020. As propostas devem ser entregues de 31 de janeiro a 20 de fevereiro de 2020, de segunda a sexta-feira, das 9h às 12h e das 14h às 18h, na sede da Fundação Municipal de Cultural (rua da Bahia, 888, Centro). O edital completo, bem como seus anexos, estão disponíveis no Portal das Parcerias (prefeitura.pbh.gov.br/portaldasparcerias). As instituições interessadas devem ter sede fixa na capital mineira, atender aos requisitos de habilitação jurídica, fiscal e trabalhista e demonstrar a qualificação técnica exigida pelo edital.

Oficina de cerâmica

Um dos maiores nomes da cerâmica no Brasil, Megumi Yuasa, vem a Minas Gerais para conduzir o workshop “Diversidade é unidade”, nos próximos dias 24 e 25, das 9h às 17h, em meio à Serra da Moeda (avenida A, 830, Palhano). Para pessoas que buscam uma vivência criativa inspiradora, as inscrições gratuitas com vagas limitadas podem ser feitas pelo link. O encontro contará com exposição teórica, exercícios práticos e contato com paisagens naturais. Seja para aplicação no ambiente empresarial, educacional, científico ou artístico, o artista vai provocar reflexão, questionamento e inquietação sobre o pensar e o fazer criativo individual e coletivo, além de propor discussão sobre os diversos aspectos da imaginação e da matéria.

Creche Nosso Lar

Há cinco anos, a importadora de vinhos Casa Rio Verde doa parte do valor arrecadado com a venda dos clubes de assinatura para a Creche Nosso Lar, situada no bairro Guanabara, na capital mineira. A instituição abriga em tempo integral portadores de paralisia cerebral, acima de 17 anos, com deficiência motora profunda e oriundos de famílias carentes. A assistência é completa, com cuidadores 24 horas, psicólogos, fisioterapeutas, terapeutas ocupacionais e fonoaudiólogos. Além disso, a creche oferece plano de saúde para todos os pacientes, para atendimento médico, exames e internações. No momento 13 moradores vivem na Creche Nosso Lar, todos encaminhados pelo Conselho Tutelar, Juizado da Infância, antiga Febem e por familiares, em casos de violação de direitos.

Gastronomia no Senac

A unidade do Senac da rua Tupinambás, 1.038, no Centro, promove duas atividades para começar o ano bem informado sobre dois ícones da gastronomia brasileira. Na próxima quarta-feira,  às 18 horas, será realizado o workshop Técnicas de Preparo do Café, com a barista e gerente da Academia do Café, Ana Luiza Reis. Já no dia 5 de fevereiro,, também às 18 horas, os professores da Faculdade Senac Carolina Figueira e Adriano Vilhena irão abordar o tema O Milho e suas Possibilidades – Processo Criativo e Identidade Cultural. Mais informações pelo telefone 0800 741 44 40.