COTAÇÃO DE 21/01/2021

DÓLAR COMERCIAL

COMPRA: R$5,3631

VENDA: R$5,3641

DÓLAR TURISMO

COMPRA: R$5,3830

VENDA: R$5,5200

EURO

COMPRA: R$6,4584

VENDA: R$6,4613

OURO NY

U$1.869,59

OURO BM&F (g)

R$ 318,51 (g)

BOVESPA

-1,10

POUPANÇA

0,1159%%

OFERECIMENTO

Mercantil do Brasil - ADS

INFORMAÇÕES DO DOLAR

livre Turismo
Página Inicial » livre » Gastos com entretenimento via cartão são mínimos

Gastos com entretenimento via cartão são mínimos

COMPARTILHE

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Bancos miram linhas sem garantias para manter ganhos
Crédito: Divulgação

Conhecida por suas cidades da era colonial, Minas Gerais é um dos principais destinos de férias e negócios no Brasil. De acordo com o levantamento da Visa Consulting & Analytics (VCA) – consultoria da Visa, entre outubro de 2018 a setembro de 2019, as cidades mineiras de Belo Horizonte, Uberlândia, Confins, Juiz de Fora e Uberaba foram os locais no Estado em que turistas brasileiros mais usaram os cartões Visa nos segmentos relacionados ao turismo, como hospedagem, aluguel de carros, restaurantes, entretenimento e despesas com agências de viagens.

Em Belo Horizonte, o segmento de aluguel de carros representa 53% do volume de pagamentos de turistas com cartões Visa. Hospedagem vem logo em seguida (24%), restaurantes (15%), despesas com agências de viagens (6%) e entretenimento (3%).

O setor de aluguel de carros também é a principal categoria com maior volume no uso de cartões Visa por turistas em Uberlândia (43%), seguidos por hospedagem (30%), restaurantes (21%), entretenimento (4%) e despesas com agências de viagens (3%).
Em Confins, aluguel de carros representa 42% do volume dos pagamentos com Visa, seguidos por despesas com agências de viagens (31%), restaurantes (22%), e hospedagem (1%).

Já em Juiz de Fora, hospedagem lidera com maior volume no uso de cartões Visa por turistas domésticos (35%), seguidos por restaurantes (33%), aluguel de carros (25%), despesas com agências de viagens (5%) e, por fim, entretenimento (2%).

Quando analisados o volume de pagamento com cartões Visa em Uberaba, hospedagem lidera com 36% do uso, logo em seguida aluguel de carros (30%), restaurantes (28%), despesas com agências de viagens (3%) e entretenimento (2%).

“Os dados mostram que o consumidor já compreende as opções e facilidades que o mercado de pagamentos tem apresentado. À medida que as cidades adotam o uso de pagamentos digitais, os impactos podem ter um efeito catalisador no desempenho econômico geral do município, como crescimento do PIB, dos empregos, salários e da produtividade. Todo o comércio se beneficia”, comenta o diretor executivo da Visa Consulting & Analytics no Brasil, Rodrigo Santoro.

Desde 2018, a Visa e seus parceiros têm promovido o programa Cidades do Futuro, que tem como objetivo incentivar a migração dos pagamentos digitais em cidades que ainda predomina o uso do dinheiro em papel, reforçando esses benefícios, como elevação do crescimento econômico, queda da criminalidade, aumento do nível de emprego, alta de salários e aumento da produtividade dos trabalhadores. “Já participam diretamente 200 municípios brasileiros de diversas regiões. Em Minas Gerais, Divinópolis, Juiz de Fora e Montes Claros recebem as ações do Cidades do Futuro”, completa Santoro.

Confira a seguir o ranking dos 10 primeiros municípios de Minas Gerais onde mais foram utilizados pagamentos digitais por turistas brasileiros, entre outubro de 2018 e setembro de 2019, de acordo com os dados transacionados pela rede Visanet:

1. Belo Horizonte
2. Uberlândia
3. Confins
4. Juiz de Fora
5. Uberaba
6. Camanducaia
7. Poços de Caldas
8. Ouro Preto
9. Contagem
10. Montes Claros

COMPARTILHE

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram

NEWSLETTER

Fique por dentro de tudo que acontece no cenário economico do Estado

Ao comentar você concorda com os Termos de Uso. Os comentários não representam a opinião do portal Diário do Comércio. A responsabilidade sob qualquer informação divulgada é do autor da mensagem.

VEJA TAMBÉM

OUTROS CONTEÚDOS

PRODUZIDO EM

MINAS GERAIS

COMPARTILHE

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram

Comunicar erro

Identificou algo e gostaria de compartilhar com a nossa equipe?
Utilize o formulário abaixo!