COTAÇÃO DE 1°/072022

DÓLAR COMERCIAL

COMPRA: R$5,3210

VENDA: R$5,3210

DÓLAR TURISMO

COMPRA: R$5,4300

VENDA: R$5,5240

EURO

COMPRA: R$5,5304

VENDA: R$5,5316

OURO NY

U$1.808,45

OURO BM&F (g)

R$308,57 (g)

BOVESPA

+0,42

POUPANÇA

0,6972%

OFERECIMENTO

CIEE/MG – Estágio e Aprendiz Legal

Maratona coloca aprendizes de BH no clima das Olimpíadas

COMPARTILHE

A equipe VelociRápido foi formada por 13 aprendizes e tutores | Crédito: Divulgação

Com destaque para o tema do combate e a erradicação do trabalho infantil, aconteceu na Cidade Administrativa, no último dia 25, a 13ª Meia Maratona Internacional de Belo Horizonte.

O evento foi realizado na modalidade live run, devido à pandemia da Covid-19, quando corredores e participantes foram convidados a conhecer e se engajar na causa, apoiando ações voltadas para o combate ao trabalho infantil promovidas pelo Ministério Público do Trabalho (MPT), ACE -Administração e Consultoria em Esporte e Eventos Ltda, Fórum de Erradicação e Combate ao Trabalho Infantil e Proteção ao Adolescente em Minas Gerais (Fectipa/MG) e seus parceiros.

PUBLICIDADE




Nas camisas e em todas as peças de divulgação da corrida, foi estampada a hashtag #ChegaDeTrabalhoInfantil, com o objetivo de aumentar a visibilidade do assunto. A aprendiz em formação pelo Centro de Integração Empresa-Escola de Minas Gerais (CIEE/MG) e beneficiada pelo programa Aprendiz Legal na empresa Hotmart, Aline Gonçalves da Silva, participou da corrida de 5 km.

Para a supervisora da Aprendizagem do CIEE/MG, Sileni Magalhães, que representou a instituição e acompanhou o percurso de Aline durante a maratona, a realização deste evento foi muito importante em uma semana que marca um movimento das entidades capacitadoras na defesa dos direitos dos aprendizes, diante de recente mudança prejudicial na Medida Provisória nº 1.045/21. “Manifestamos os nossos cumprimentos aos organizadores, em especial ao Fectipa-MG, que se destacam na luta em prol dos jovens trabalhadores”, acrescentou.

Como parte da parceria do MPT com a Meia Maratona, 13 adolescentes em situação de vulnerabilidade social receberam cortesias para participar da corrida, como forma de incentivo à prática esportiva. Com a ajuda de voluntários, preparador físico, psicóloga, nutricionista, entre outros, eles formaram o Grupo de Corrida “VelociRápidos”.

Ao comentar você concorda com os Termos de Uso. Os comentários não representam a opinião do portal Diário do Comércio. A responsabilidade sob qualquer informação divulgada é do autor da mensagem.

COMPARTILHE

NEWSLETTER - CIEE MG

Fique por dentro de todos conteúdos da CIEE MG

OUTROS CONTEÚDOS

Comunicar erro

Identificou algo e gostaria de compartilhar com a nossa equipe?
Utilize o formulário abaixo!