Minas tem a maior área de floresta plantada do País

Indústria responde pela segunda maior carteira de investimentos privados do Brasil

4 de agosto de 2023 às 0h24

img
Com mais de 2,3 milhões de hectares de floresta plantada, Minas deverá receber aportes superiores a R$ 10 bilhões do setor nos próximos anos | Crédito: Divulgação/Amif

A segunda maior carteira de investimentos privados no País, que ultrapassa R$ 60 bilhões, é da indústria florestal. A informação é do presidente da Indústria Brasileira de Árvores (Ibá), Paulo Artung. Ele esteve ontem, em Belo Horizonte, para participar do Timber Talks MG 2023, evento destinado a debater temas como economia verde, ESG, inovação e estratégias de carbono, promovido pela Associação Mineira da Indústria Florestal (Amif).

De acordo com ele, o segmento só perde para a indústria do petróleo e gás, no que se refere aos aportes. E Minas Gerais se destaca neste mercado, já que possui a maior área cultivada de floresta plantada no Brasil: são mais de 2,3 milhões de florestas cultivadas em mais de 203 municípios do Estado. No País, são cerca de 10 milhões de hectares. A indústria florestal brasileira realiza o plantio de 1,5 milhão de árvores por dia, conforme dados da Ibá.

De acordo com dados do secretário de Estado de Desenvolvimento Econômico (Sede), Fernando Passalio, de 2019 a 2023, a indústria florestal em Minas gerou mais de 2 mil postos de trabalho em razão dos mais de R$ 14,3 bilhões em investimentos atraídos.

Minas é líder em produção agrícola de madeira legal. “Além da terra do queijo, do café e da cachaça, Minas é a casa das árvores”, frisa a presidente executiva da Amif, Adriana Maugeri. O setor conserva mais de 1,3 milhão de hectares de vegetação nativa em Minas, mais da metade da área conservada pelo próprio Estado. As florestas plantadas estão presentes em mais de 90% dos municípios mineiros. “Minas Gerais é líder mundial em produção e consumo do carvão vegetal”, destaca a presidente.

O governador de Minas Gerais, Romeu Zema (Novo), esteve presente na abertura do evento, que foi no bairro Funcionários, na região Centro-Sul da Capital. Na oportunidade, o chefe do Executivo estadual destacou que o mundo está passando por uma transição energética, o que representa oportunidades para o País bem como para Minas Gerais.

“Por meio das nossas florestas certificadas, provaremos ao mundo que vários itens produzidos tendo a biomassa como insumo são verdes e, com isso, terão maior valor agregado. O fator preço não está sendo suficiente. As pessoas perguntam quanto custa e quanto polui”, diz.

Protocolo de Intenções

Durante o evento foi assinado um protocolo de intenções entre o governo do Estado e a agroindústria florestal mineira, representada pela Amif, com o objetivo de desenvolver esforços e parcerias em atividades de incentivo ao desenvolvimento da economia verde de Minas Gerais. O documento foi assinado pela Secretaria de Desenvolvimento Econômico (Sede) e a Secretaria de Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Seapa).

Facebook LinkedIn Twitter YouTube Instagram Telegram

Siga-nos nas redes sociais

Comentários

    Receba novidades no seu e-mail

    Ao preencher e enviar o formulário, você concorda com a nossa Política de Privacidade e Termos de Uso.

    Facebook LinkedIn Twitter YouTube Instagram Telegram

    Siga-nos nas redes sociais

    Fique por dentro!
    Cadastre-se e receba os nossos principais conteúdos por e-mail