Produtos típicos de Natal estão mais caros em Belo Horizonte

Dos produtos analisados pelo Ipead, 15 apresentaram aumento no preço médio frente ao ano anterior

4 de dezembro de 2023 às 16h34

img
O panettone de frutas, produto típico do Natal, teve uma elevação de 2,05% no valor médio | Crédito: Adobe Stock

Azeite, castanhas, creme de leite, panetone, leite condensado, bombons, aves e dezenas de outros produtos são considerados ingredientes indispensáveis para pratos típicos das tradicionais festas de fim de ano, como Natal e Ano Novo. Em 2023, estas festividades tendem a ficar mais caras em Belo Horizonte, uma vez que os preços da maioria destes e outros itens estão maiores quando comparados com o ano que passou.

É o que revela pesquisa da Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas Administrativas e Contábeis de Minas Gerais (Ipead).

Entre todos os produtos avaliados pelo Ipead, 15 apresentaram aumento de preço na comparação com 2022. Em média, entre os produtos que apresentaram elevação de preços, a variação foi de 15,47%. Já entre os produtos que apresentaram redução de preço médio, a variação foi de -4,31%, ou seja, próximo de quatro vezes menor.

As maiores elevações foram observadas nos valores da garrafa de 250 ml de azeite de oliva e no pacote de 50g de castanha de caju, com variações positivas de 42,85% e 34,59%, respectivamente. No caso do azeite, o valor médio passou de R$ 17,41, no ano passado, para R$ 24,87, e o creme de leite foi de R$ 6,36 para R$ 8,56.

O panetone de frutas, que não pode faltar numa típica ceia de Natal, também registrou aumento no preço médio, porém, de forma mais moderada, passando de R$ 20,03 para R$ 20,44. Isso significa avanço de 2,05%.

Por outro lado, o valor médio da mistura para bolo baixou de R$ 4,70 para R$ 4,18 (-11,06%); do creme de leite foi de R$ 3,80 para R$ 3,46 (-8,95%) e o do leite condensado passou de R$ 5,88 para R$ 5,49 (-6,63%). Esses foram os principais destaques entre aqueles que apresentaram queda na variação média de preços.

O estudo do Ipead também revelou que o valor médio do peru congelado está em R$ 32,17 o quilo, enquanto o chester está sendo vendido a R$ 31,99 o quilo e o espumante a R$ 77,82 em Belo Horizonte.

Facebook LinkedIn Twitter YouTube Instagram Telegram

Siga-nos nas redes sociais

Comentários

    Receba novidades no seu e-mail

    Ao preencher e enviar o formulário, você concorda com a nossa Política de Privacidade e Termos de Uso.

    Facebook LinkedIn Twitter YouTube Instagram Telegram

    Siga-nos nas redes sociais

    Fique por dentro!
    Cadastre-se e receba os nossos principais conteúdos por e-mail