Vendas de minério de ferro da Vale recuam em 2023 e empresa amplia estoques

A produção da companhia somou 321,15 milhões de toneladas no ano passado

29 de janeiro de 2024 às 19h19

img
Crédito: REUTERS/Ricardo Moraes

Rio de Janeiro – As vendas de finos de minério de ferro pela Vale recuaram 1,5% em 2023 ante o ano anterior, apesar de uma alta de 4,3% na produção da commodity, cujo volume superou a meta programada pela companhia com forte desempenho em dezembro, apontaram dados da mineradora nesta segunda-feira.

A produção de minério de ferro da Vale no ano passado somou 321,15 milhões de toneladas, enquanto as vendas atingiram 256,8 milhões de toneladas no ano passado, com a companhia ampliando estoques.

“Este ano a Vale optou por fazer um rebalanceamento de estoques. Nós estocamos mais do que nos dois anos anteriores como parte da nossa estratégia de vendas”, disse a empresa à Reuters.

O volume produzido ficou acima da meta revista em dezembro pela companhia para o ano, de 315 milhões de toneladas, mostrou o boletim de produção e vendas da companhia.

O avanço, de acordo com a mineradora, contou com iniciativas contínuas para melhorar a confiabilidade de ativos na mina de S11D, no Pará, além de “sólido desempenho” nos complexos de Itabira e Vargem Grande, em Minas Gerais, e de maiores compras de terceiros.

O montante do ano teve a contribuição de desempenho importante no quarto trimestre, quando a produção cresceu 10,6% ante o mesmo período do ano anterior, para 89,4 milhões de toneladas. Em dezembro, a produção mensal de minério de ferro foi a maior desde 2018, segundo a Vale.

O preço realizado de finos de minério de ferro em 2023 foi de US$ 108,1 por tonelada, estável ante o ano anterior.

Mas houve um forte aumento na cotação no quarto trimestre para US$ 118,3/tonelada, ante US$ 95,6 no mesmo período do ano anterior.

Facebook LinkedIn Twitter YouTube Instagram Telegram

Siga-nos nas redes sociais

Comentários

    Receba novidades no seu e-mail

    Ao preencher e enviar o formulário, você concorda com a nossa Política de Privacidade e Termos de Uso.

    Facebook LinkedIn Twitter YouTube Instagram Telegram

    Siga-nos nas redes sociais

    Fique por dentro!
    Cadastre-se e receba os nossos principais conteúdos por e-mail